Courtney Love quis cheirar as cinzas de Kurt Cobain

Durante uma entrevista, a artista sugeriu que ela e o jornalista Neil Strauss consumissem os restos mortais do músico

Da redação Publicado em 16/03/2011, às 14h12

Courtney Love teve a ideia de cheirar as cinzas de Kurt Cobain durante uma entrevista
AP

Notícias polêmicas envolvendo Courtney Love não são novidade. E quando elas têm a ver com Kurt Cobain, então, tendem a ser mais polêmicas ainda. O site Radar Online revelou uma nova excentricidade da cantora. Neil Strauss, editor-contribuinte da Rolling Stone EUA, contou ao veículo que, durante uma entrevista com Courtney (realizada como parte da pesquisa que fez para escrever o livro Everyone Loves You When You're Dead: Journeys into Fame and Madness), ela sugeriu que eles fizessem uma pausa e cheirassem as cinzas do falecido frontman do Nirvana.

"Ela estava falando sério quando fez a sugestão. De fato disse que ofereceria as cinzas dele para mim primeiro. Mas a ideia caiu por terra porque eu não uso cocaína", contou Strauss.

A nota, que reproduz um trecho da entrevista, detalha a cena: a entrevista aconteceu na casa de Courtney Love, em Los Angeles, tarde da noite. De repente, ela se levantou e pediu para o jornalista dizer "oi" a Kurt, tirando da gaveta a caixa que continha os restos mortais do músico. Então, falou que era uma pena ele não usar cocaína, senão iria sugerir que ambos inalassem as cinzas. Strauss protestou, dizendo que não achava que isso seria certo e Love respondeu algo do tipo: "É, mas eu gostaria".

No livro Everyone Loves You When You're Dead: Journeys into Fame and Madness (em tradução livre, "todos te amam quando você está morto: jornadas por entre fama e loucura"), que foi lançado na última terça, 15, ainda há entrevistas com Madonna, Snoop Dogg, Ozzy Obourne, Tom Cruise, Zac Efron, Prince, Britney Spears e Lady Gaga (esta última deu ao repórter detalhes sombrios a respeito de sua vida antes da fama, conforme publicado aqui.

Anteriormente, foi noticiado - e depois negado - que Natascha Stellmach, uma artista plástica australiana, havia adquirido as cinzas de Cobain, que teriam sido roubadas da casa de Love, e pretendia fumá-las (relembre o caso aqui).

Leia aqui entrevista da Rolling Stone Brasil com Courtney Love, realizada em Seattle, nos Estados Unidos.