Diretora de filme com Natalie Portman e Rodrigo Santoro pede demissão no primeiro dia de filmagem

Gavin O'Connor irá dirigir Jane Got a Gun após desistência de Lynne Ramsay

Redação Publicado em 20/03/2013, às 11h46 - Atualizado às 12h33

Lynne Ramsay
AP

Dezenas de pessoas se reuniram na segunda, 18, no Novo México, Estados Unidos, para o primeiro dia de filmagens de Jane Got a Gun. Quando chegaram ao local, entretanto, descobriram que a diretora Lynne Ramsay (Precisamos Falar Sobre Kevin) desistiu do projeto. As informações são do site Deadline.

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

“Estou chocado e muito desapontado que alguém possa fazer isso com uma equipe de 150 pessoas que entregou tanto tempo, energia, comprometimento e lealdade ao projeto, e agora a diretora não aparece”, lamentou o produtor Scott Steindorff. “Tenho milhões de dólares investidos, estamos prontos para filmar, temos ótimos roteiro, elenco e equipe”, completou. Os motivos da desistência não foram revelados pela cineasta.

Entre aqueles que ficaram sem diretor estão Natalie Portman, que trabalha também como produtora do projeto, Jude Law, Joel Edgerton e o brasileiro Rodrigo Santoro. O roteiro é de Brian Duffield e narra a história de uma mulher que pede ao ex-namorado a ajuda para salvar seu marido que está na mira de uma gangue.

Uma disputa judicial deve acontecer agora, segundo revelou Steindorff. Os produtores se apressaram para encontrar novo diretor e contrataram Gavin O'Connor, que iniciará as filmagens nesta quinta, 21. A previsão é que o filme chegue às telonas no ano que vem.