Disco de Danger Mouse vai virar filme

Rome, que conta com participações de Jack White e Norah Jones, será adaptado pelo diretor Chris Milk

Redação Publicado em 09/10/2011, às 10h38

Danger Mouse - Rome
Reprodução

O disco Rome, colaboração do produtor norte-americano Danger Mouse (Gnarls Barkley) com o compositor italiano Daniele Luppi, vai virar longa-metragem. A adaptação será feita pelo diretor Chris Milk, que já fez trabalho semelhante no clipe-interativo de "We Used to Wait", do Arcade Fire. As informações são do blog The Playlist.

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

Rome foi lançado este ano por Danger Mouse e Daniele Luppi. O disco conta ainda com participações de Jack White e Norah Jones nos vocais. Segundo a dupla, a intenção foi fazer o disco soar como uma trilha sonora de filmes do gênero western spaghetti, inspirados principalmente no compositor Ennio Morricone (Três Homens em Conflito).

O longa-metragem baseado em Rome será o primeiro da carreira de Milk. Ele já havia trabalhado com Danger Mouse para o vídeo de "3 Dreams of Black". Segundo o The Playlist, o longa-metragem deve ser uma mistura das influências do disco com o livro The Reapers Saw the Angels, de Alden Bell. A obra, um romance pós-apocalíptico de terror elogiado pela crítica especializada, foi lançado este ano e ainda não chegou ao Brasil.

A adaptação de Rome ainda não tem previsão de início das filmagens.