DJ Kungs lança música escrita por Camila Cabello e pretende trabalhar com Calvin Harris

Com o sucesso de “This Girl”, o francês de apenas 21 anos se tornou amigo de David Guetta, se apresentou em diversos festivais e sonha em tocar ao lado de seus ídolos

Fernanda Talarico Publicado em 02/08/2018, às 11h39 - Atualizado às 15h02

DJ Kungs durante show no NRJ Music Awards, em Cannes, na França, em 2016

Ver Galeria
(2 imagens)

Kungs, DJ francês de apenas 21 anos, ficou mundialmente famoso quando, em 2016, seu primeiro EP, “This Girl”, uma colaboração com o trio Cookin’ on 3 Burners, se tornou um grande sucesso e chegou ao topo das paradas na França, Alemanha e Suíça. O seu único álbum lançado, Layers, foi disco de ouro na França e três vezes disco de platina no resto do mundo.

No fim de junho, Kungs lançou o single “Be Right Here”, colaboração com o rapper GOLDN e o duo de produtores noruegueses Stargate. A letra foi escrita pela cantora Camila Cabello em parceria com a Charli XCX. “O Stargate me deu a letra da música e eu criei a parte instrumental. Conversei com o GOLDN, o coloquei no projeto e assim nasceu a ‘Be Right Here’”, contou o DJ à Rolling Stone Brasil. “Estou muito orgulho desta música. Minha expectativa é de que as pessoas a aproveitem muito e tenham um sentimento muito bom enquanto a escutam durante o verão [a música foi lançada durante o verão na Europa]”.

Para a criação do single, Kungs foi até a casa de Stargate, em Los Angeles, e foi a própria cidade que acabou servindo como inspiração.“Eu comecei a parte instrumental em Paris, mas terminei em LA. O Stargate tem uma casa gigante em Venice Beach, com três estúdios, você olha pela janela e vê as palmeiras. O tempo estava lindo, foi muito inspirador.” Porém, no que diz respeito à sonoridade, ele assume um lado mais "clubista": “O que eu tentei fazer nesta música foi colocar um pouco de inspiração do house francês”.

O lançamento de “Be Right Here” aconteceu junto ao do clipe, estrelado por Kungs e a modelo Carolina Jaramillo. “Foi muito divertido gravar o vídeo, eu gostei muito de estar nele. Não sou um ator ou um comediante, sou apenas um produtor e um DJ, então é sempre legal fazer algo a mais do que fazer apenas a música”, revelou. “A vibe era ótima, a modelo, Carolina, é doce e muito gentil. Gravamos em Palma de Mallorca [na Espanha, perto de Ibiza] em apenas um dia. A pós-produção foi mais difícil por causa dos efeitos. O resultado ficou exatamente da maneira como eu queria. Coloquei um pouco da minha marca no vídeo, falei ao meu time o que eu queria. O preto e branco, todas as cores no meu rosto, as estrelas, o espaço, foram todas ideias minhas”.

Com todo esse sucesso, o DJ já viajou o mundo inteiro para tocar em grandes festivais de música, inclusive no Brasil, onde esteve duas vezes para se apresentar durante o Carnaval. “É sempre um prazer ir! O Carnaval é maior festa que já presenciei na minha vida, nunca vi algo parecido. Vocês sabem como fazer uma festa, a vibe é muito boa. Eu quero muito voltar no próximo ano e tenho certeza que vai ser insano”. Assista abaixo ao vídeo que Kungs publicou no Instagram após a última passagem pelo Brasil.

Thank you so much Brazil for all the great parties???????????? It was amazing! Link to full aftermovie in bio

Uma publicação compartilhada por Kungs (@kungsmusic) em

Quando questionado sobre música brasileira em uma entrevista há uns anos, Kungs desconversou, pois não conhecia muita coisa. “Agora eu conheço a Anitta e acho que ela é maravilhosa! Também conheço o Tropikllaz e... eu sei que eu conheço mais uma, mas tenho medo de falar merda então eu vou ficar quieto...”, responde o DJ, se esquecendo do nome da cantora Claudia Leitte. “Isso, ela mesma! Toquei com ela há dois anos, no Carnaval de Salvador. Ela é muito legal, com uma voz incrível. E sei que é muito famosa no Brasil”.

Kungs é, na realidade, Valentin Brunel, nascido em Toulon, na França. O nome artístico surgiu de uma brincadeira, quando procurava na internet como se falava “cavalheiro” em diversos idiomas. Ele gostou da sonoridade de como se dizia em letão, língua falada na Letônia: kungs. Ele não escuta apenas música eletrônica, mas também rock, rap e outros gêneros porque, segundo explica, “não gosta de colocar rótulos". "Minha inspiração não é específica de apenas um estilo, vem de vários, não há um limite. No momento estou ouvindo Kanye West, Dua Lipa, Calvin Harris e Bazzi”.

Amigo pessoal de David Guetta, com quem esteve em estúdio há dois anos, agora Kungs almeja trabalhar com Calvin Harris, um de seus ídolos. “Meu maior sonho é fazer uma música com ele, que é o maior produtor que existe. Ele não segue tendências, ele cria, por isso é um gênio. Quando eu fizer isso, poderei morrer em paz”, brinca. “Além dele, outra grande inspiração é o Daft Punk, que ouço desde pequeno e que também são franceses. Eles são famosos pelo mundo todo, criaram a ‘coisa do robô’, acho isso incrível. Nem parecem que são do mesmo planeta que nós”.

Assista aos vídeos de "Be Right Here" e "This Girl".