"Download ilegal tem lado positivo"

Duffy acha que a internet aumenta o acesso à música; cantora é a que mais vende no Reino Unido

Da redação Publicado em 29/07/2008, às 10h36 - Atualizado às 10h48

Duffy, na feira de games E3 2008: cantora acha que downloads ilegais têm mais prós que contras
AP

A cantora Duffy afirmou em entrevista ao site Shortlist que os downloads ilegais de música têm "pontos positivos".

A dona do hit "Mercy" acha que a maioria das pessoas que baixam músicas na internet é jovem - e que com o passar do tempo, essa parte da população vai crescer, passar a ter uma renda maior e gastar com a compra de CDs. Além disso, a internet seria responsável por um alcance maior da música. "Existem prós e contras para tudo. Algumas pessoas acham que isso gera um acesso ilegal. (...) Acho que existem mais lados positivos porque basicamente dá acesso às pessoas, que mal há nisso?", acredita.

Dentro das listas de CDs e singles lançados em 2008, Duffy é dona dos dois títulos mais vendidos no Reino Unido: Rockferry, seu álbum de estréia, e "Mercy", música que a lançou nas paradas. Na lista de álbuns mais vendidos no mundo durante o primeiro semestre do ano (não importando a data de lançamento), Duffy está em 4º lugar, atrás de Amy Winehouse (Back to Black, 2006), Coldplay (Viva la Vida or Death and All His Friends, 2008) e Leona Lewis (Spirit, 2007).