“É como se os Smurfs tivessem feito terapia”, diz Katy Perry sobre Os Smurfs 2

Cantora dá voz à personagem Smurfette na versão cinematográfica do clássico infantil

Paulo Terron, de Cancun Publicado em 23/04/2013, às 11h04 - Atualizado às 11h37

Katy Perry
AP

Enquanto não termina as gravações do novo disco, Katy Perry aproveitou para divulgar Os Smurfs 2, longa que mistura animação e atores de verdade, e no qual ela dá voz à personagem Smurfette. “É como se os Smurfs tivessem feito terapia desta vez: há muita profundidade e emoção”, ela explicou durante uma coletiva de imprensa em Cancun, no México, na última segunda, 22. “Durante as gravações, eu me entreguei completamente e me emocionei.”

Vídeo: "Tento manter o máximo possível de privacidade, mas, por outro lado, minha vida sempre foi meio que um livro aberto", diz Katy Perry em entrevista à Rolling Stone Brasil.

Desta vez, Smurfette é sequestrada por Gargamel (Hank Azaria) e levada para Paris, onde começa a ter conflitos internos sobre o bem e o mal enquanto os outros Smurfs tentam resgatá-la. “Todos temos tentações, já que somos humanos”, disse. “Me identifico com a Smurfette, mas talvez eu empreste um pouco da minha personalidade a ela e pegue um pouco da dela também, e tudo se mistura.”

As conexões, entretanto, ficam apenas no campo mais abstrato. Segundo a cantora, foi preciso separar muito bem a época da dublagem e a dos compromissos musicais. “Quando estava gravando, tive de planejar minha agenda, porque a Smurfette tem uma textura mais grave na voz - e não é estrategicamente útil para a voz que uso para cantar”, contou. “Eu tinha de separar uns dias para isso, descansar um pouco depois de fazer a Smurfette. Era [uma sensação] mais ou menos de fumar um maço de cigarros. É imensamente diferente do que faço cantando."

Se Katy só pode ser ouvida no filme, não espere vê-la atuando – pelo menos em um futuro próximo. “Adoraria fazer outros filmes, mas só se fosse depois das 11h”, brincou. Os Smurfs 2 estreia em agosto no Brasil.