Eminem lança site interativo para Relapse

Internauta pode passear por clínica fictícia, com cenas de massacre inspiradas na faixa "3 A.M."

Da redação Publicado em 07/06/2009, às 11h23

Um site que permite ao usuário navegar por uma clínica de reabilitação virtual é a mais recente estratégia de divulgação de Relapse, o sexto álbum de estúdio de Eminem. Lançado em 19 de maio e desde então no topo da parada da Billboard, o trabalho - que em português quer dizer "recaída" - tornou-se um canal para o rapper encarar o vício em remédios, o qual diz ter superado com a ajuda de Elton John.

Ao entrar no site oficial de Relapse, você automaticamente cai na porta da clínica fictícia Popsomp Hills, que aparece interditada por faixas amarelas, com a indicação "cena do crime". Em uma recuperação da atmosfera sombria de "3 A.M.", faixa na qual Eminem incorpora um serial killer "hospitalar", uma placa, pregada na entrada da instituição, alerta: "durante a investigação corrente", a Popsomp não irá mais responder questões relativas "ao evento", não especificado, "com o paciente Marshall Matters".

Dentro do estabelecimento virtual, pode-se optar por seguir alguns caminhos, acionados por clique. Enveredando por um caminho, cai-se num quarto, infestado por baratas, com um paciente catatônico. Nas telas que mostram imagens de câmeras de vigilância, vê-se internos brutalmente assassinados - a hora marcada para o ritual sangrento é 3 A.M. (três da manhã).

Não é a primeira novidade de marketing que Eminem lança nos últimos dias. No MTV Movie Awards, o rapper coprotagonizou, ao lado do comediante britânico Sacha Baron Cohen, a cena que, no futuro, deverá ser lembrada como a mais marcante desta edição. No incidente que o público - o da premiação e o de casa, que assistia pela TV - acreditou ser, em um primeiro momento, espontâneo, Cohen, caracterizado como Brüno (o personagem de seu mais novo filme, sobre um estilista austríaco gay), "voou" pela plateia semi-nu, com adereços de anjo - até desabar no colo de Eminem, com as nádegas na cara do músico. Aparentemente irritado, o músico se levantou e deixou a cerimônia de premiação. Em pouco tempo, o instante virou fenômeno viral na internet.

Falou-se até em processo para o "Brünogate", mas, dias depois, o próprio Eminem confessou que os dois haviam combinado o número antes. "Fui para meu hotel e ri três horas sem parar!", disse o rapper.