"Estive à beira do suicídio", diz Kanye West sobre a morte da mãe

Rapper fez revelação durante show com Jay Z na última segunda, 12, e chorou após cantar "Heartless"

Redação Publicado em 14/12/2011, às 14h07 - Atualizado às 14h41

Kanye West
AP

O rapper Kanye West revelou, durante um show com Jay-Z na última segunda, 12, que pensou em suicídio após a morte de sua mãe, Donda. As informações são do site Hollyscoop.

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

"Estive à beira do suicídio", contou o rapper ao público da apresentação com Jay Z, em Los Angeles, parte da turnê de divulgação do disco Watch the Throne. Depois desse momento, no entanto, o rapper tentou inspirar a audiência: "As pessoas sempre dizem para você ser humilde, humilde, humilde", debochou Kanye. "Quando foi a última vez que alguém lhe disse para ser incrível, grande ou demais?"

Pouco após o discurso, Kanye apresentou a música "Heartless" e, durante a canção, chegou a chorar, relatou o site.

Donda West morreu em novembro de 2007, aos 58 anos. A causa da morte foi uma série de complicações derivadas de uma cirurgia estética que ela realizou. Ela era professora aposentada e ex-diretora do Departamento de Língua Inglesa da Universidade Estadual de Chicago e chegou a lançar um livro sobre o filho, intitulado Raising Kanye: Life Lessons from the Mother of a Hip-Hop Superstar.