Exclusivo: por dentro da volta do Red Hot Chili Peppers

Anthony Kiedis e Flea falam sobre o disco I'm With You, que será lançado em agosto

Por David Fricke Publicado em 08/06/2011, às 19h12

Red Hot volta à ativa com I'm With You
AP

"Não há dúvida - isso é um começo", diz Anthony Kiedis, vocalista do Red Hot Chili Peppers, na primeira entrevista a respeito do novo disco da banda, I'm With You, que será lançado em 30 de agosto, pela Warner Bros. "É, o sol está nascendo aqui".

Produzido por Rick Rubin, I'm With You é o primeiro disco do quarteto de Los Angeles desde o álbum duplo Stadium Arcadium, de 2006. Com 14 faixas, o trabalho marca também a estreia do guitarrista Josh Klinghoffer, que entrou na banda em 2009, substituindo John Frusciante. O antigo guitarrista havia desempenhado papel crucial como compositor e arranjador nos maiores trabalhos da banda, incluindo Blood Sugar Sex Magik (1991) e Californication (1999). Mas, após sua saída, Kiedis e Flea tiveram "um certo pressentimento", diz o cantor. "Não estamos realmente acabados. Nós queríamos continuar com o Chili Peppers de uma maneira que pudesse complementar historicamente o que já conseguimos."

"Houve algumas conversas interessantes", continua Kiedis, "sobre tentar achar alguém que não conhecíamos, ou talvez alguém bem no nosso quintal que seria a solução perfeita". Klinghoffer, 31 anos, é um músico veterano que já tocou com Beck, PJ Harvey e Tricky, entre muitos outros. Ele também era amigo de Frusciante, tendo trabalhado em boa parte de seu projeto solo, e já havia dado suporte aos Chili Peppers durante sua última turnê mundial, tocando teclado e guitarra.

"Eu senti que tinha a experiência", diz Klinghoffer na primeira entrevista para a imprensa em sua vida, ao lado de Kiedis na casa do cantor, em Malibu. "Não houve adaptação. É apenas fazer música com pessoas que admiro e são amigas há anos."

"Josh não deixou de preencher nenhum dos requisitos", analisa Kiedis. "Sua voz é tão dominante quanto qualquer outra no álbum." Isso é literalmente verdade. Além de tocar guitarra, Klinghoffer contribuiu com teclados e vocais de apoio. Ele ainda compôs as músicas com Kiedis, Flea e o baterista Chad Smith.

O primeiro single do disco, "The Adventures of Rain Dance Maggie", é uma virada hard-pop no funk do Chili Peppers, com uma linha de baixo assustadora e um refrão com um ritmo disco marchante, influência dos Stones no fim dos anos 70. De fato, Flea relaciona a interação pulsante da banda em I'm With You - a mistura de experimentação em improvisos, os detalhes de timbres das guitarras e os ganchos claros em músicas como "The Monarchy of Roses" "Factory of Faith" and "Goodbye Hooray" - a clássicos álbuns dos Stones, como Exile on the Main St. e Tattoo You. Flea os escutou religiosamente à medida que os Chili Peppers compunham e improvisavam novas canções, entre 2009 e 2010. "É sobre um sentimento e uma canção, sobre todos compreenderem o momento da música, não apenas o refrão", afirma o baixista.

Os Chili Peppers estão ensaiando atualmente e planejam fazer uma grande turnê para promover I'm With You. "Eterna", como Flea define a maratona. "Eu sei quando fazemos coisas medíocres e quando fazemos coisas boas", diz Kiedis. "Eu mal posso esperar para sair e tocar".