Festival do Rio 2012: Roland Joffé e Rodrigo Santoro falam sobre Encontrarás Dragões: Segredos da Paixão

O ator brasileiro falou também sobre a sequência de 300: “É um ponto de vista diferente do mesmo momento”

Paulo Gadioli, do Rio de Janeiro Publicado em 30/09/2012, às 13h57 - Atualizado às 14h35

Rodrigo Santoro
AP

Rodrigo Santoro é um homem ocupado. Com sua ascensão em Hollywood, ele raramente consegue parar no mesmo lugar por mais de um mês. De volta ao país para participar do Festival do Rio, o ator conversou com a Rolling Stone Brasil sobre um de seus três filmes em exibição no festival: Encontrarás Dragões: Segredos da Paixão, do britânico Roland Joffé, também presente no país para discutir o trabalho.

O longa é situado na Guerra Civil Espanhola e mostra o relacionamento entre Manolo Torres, filho de um magnata da indústria, e Josemaria Escrivá, padre fundador da Opus Dei. No centro da trama está uma mulher que altera o destino de todos os envolvidos, inclusive o de Oriol, líder anarquista interpretado por Santoro.

“A coisa mais interessante deste personagem, para mim, vai além do movimento que ele representa”, conta Santoro. “Sua jornada é uma tragédia básica: ele se apaixona por uma mulher e esta é a última coisa que irá acontecer. Fiquei muito tocado pela história, pela jornada dele, e sempre admirei Roland como diretor. A Missão e Os Gritos do Silêncio foram duas grandes referências para meu crescimento profissional.”

Joffé, por sua vez, também não poupa elogios ao ator brasileiro. “Não lembro exatamente qual foi a primeira coisa de Rodrigo que vi, mas logo percebi que esta era uma pessoa com quem eu realmente gostaria de trabalhar”, diz Joffé. “Em menos de dez segundos eu já percebi que ele conseguiria trazer o personagem Oriol à vida.”

O diretor não acredita na máxima de que a história se repete. “Acredito que ela é como uma espiral. Não é exatamente a mesma, mas possui uma forte relação com o que veio antes. Muitos dos temas desse longa, por exemplo, podem estar acontecendo tanto agora como daqui a vinte anos, pois são, basicamente, sobre como os seres humanos vivem, as escolhas que fazem”, afirma o cineasta.

Para se preparar, Santoro conta que passou semanas estudando sobre o período em que se passa a trama. “Fiquei fascinado. Achei que iria apenas fazer pesquisa para o filme, mas fiquei perplexo com a história da Guerra Civil Espanhola, que é muito maior do que aquilo que aprendemos na escola.”

Juntos, Joffé e Santoro realizaram um longa irregular com cara de épico. “Fiz 300 antes, que é considerado um épico, mas foi tudo em estúdio, então você não tem a sensação de estar próximo a tudo que acontece. Para este, fechamos ruas na Argentina, então tudo parece mais real“, conta Santoro.

Ao falar do mundo dos guerreiros espartanos, Santoro pareceu bastante empolgado em voltar a interpretar o semideus Xerxes em Rise of an Empire, continuação de 300. “Mantiveram Zack Snyder como roteirista e produtor, mas há um novo diretor, então o filme terá uma nova visão. Acho que é arriscado, porém, interessante.”

“Não é baseado em uma graphic novel de Frank Miller, é uma história original, mais ou menos situada no mesmo momento do primeiro filme. Não é uma sequência, nem uma prequel, é um ponto de vista diferente do mesmo momento”, revela ainda sobre o filme previsto para estrear em agosto de 2013.

Saiba quais são os horários de exibição de Encontrarás Dragões: Segredos da Paixão no Festival do Rio:

Domingo - 30/09/2012 - Odeon Petrobras – 19h30

Terça - 02/10/2012 - Kinoplex Leblon 4 – 16h30

Terça - 02/10/2012 - Kinoplex Leblon 4 – 21h30

Sexta - 05/10/2012 - Est Vivo Gávea 5 – 15h

Sexta - 05/10/2012 - Est Vivo Gávea 5 – 21h40

Leia mais sobre o Festival nos links relacionados abaixo.