Grammy 2016: Lady Gaga fará performance em homenagem a David Bowie na premiação

Nile Rodgers, produtor do álbum Let's Dance, do cantor britânico, será diretor musical da apresentação

Rolling Stone EUA Publicado em 02/02/2016, às 15h21 - Atualizado em 17/02/2016, às 12h41

Lady Gaga
John Shearer/AP

Lady Gaga, que já tinha uma apresentação marcada no Grammy 2016, agora irá fazer um tributo a David Bowie na premiação. Nile Rodgers, integrante do Chic e produtor do álbum de Bowie Let’s Dance, será o diretor musical da performance.

Grammy: você não vai acreditar, mas essas 12 pessoas têm um gramofone em casa.

O produtor Ken Ehrlich contou, em entrevista ao The New York Times, que deu início às conversas com a cantora pouco tempo depois da morte do artista britânico (Bowie morreu no início do último mês de janeiro, aos 69 anos, vítima de um câncer).

O produtor disse que recebeu ofertas de muitos outros artistas que gostariam de honrar a memória de Bowie, assim que a notícia da morte dele se espalhou. “Alguns [deles] poderiam fazer algum sentido”, disse ele, sem revelar os nomes de quem se ofereceu. “A grande maioria não.”

Grammy 2015: lembre a lista completa dos ganhadores.

Em vez disso, Ehrlich se apegou à ideia dele de uma performance solo de Lady Gaga, que está indicada este ano com Diane Warren ao prêmio de Melhor Canção Escrita Para Mídia Visual com “'Til It Happens to You”. “Ela é perfeita para isso”, disse o produtor em comunicado. “Então fui até Nile e já estávamos criando o que acreditamos ser não apenas um grande momento para o Grammy, mas sim um momento condizente com David.”

Ehrlich disse ao Times que o tributo não será a apresentação de abertura, mas que durará até sete minutos e compilará “pelo menos três ou quatro” canções de Bowie. O produtor espera que o tributo seja uma homenagem não apenas à música, mas também à influência de Bowie na moda e na cultura pop.

O Grammy 2016 também terá um tributo a B.B. King, que morreu no último mês de maio (2015), e Ehrlich ainda disse ao Times que espera fazer uma outra homenagem, a Glenn Frey, do Eagles, que morreu no mês passado.

Galeria: os dez melhores clipes de 2015.

LL Cool J irá apresentar a cerimônia, que contará com performances de diversos artistas, como Adele, Kendrick Lamar, Ellie Goulding, Sam Hunt e Carrie Underwood, entre outros. A 58ª edição do Grammy acontecerá no dia 15 de fevereiro de 2016, no Staples Center, em Los Angeles, nos Estados Unidos.

Kendrick Lamar e Taylor Swift se destacam na lista dos concorrentes a um prêmio no Grammy 2016, disputando troféus nas categorias Gravação do Ano, Álbum do Ano, Música do Ano e Melhor Videoclipe (neste, inclusive, juntos). O Brasil também está na briga por prêmios: a pianista e cantora Eliane Elias foi indicada em Melhor Álbum de Jazz Latino com Made in Brazil e Gilberto Gil disputa o título de Melhor Álbum de World Music com Gilberto Samba ao Vivo.

Veja a lista com os principais concorrentes a um prêmio no Grammy 2016:

Gravação do Ano

“Really Love” - D’Angelo And The Vanguard

“Uptown Funk” - Mark Ronson Featuring Bruno Mars

“Thinking Out Loud” - Ed Sheeran

“Blank Space” - Taylor Swift

“Can't Feel My Face" - The Weeknd

Álbum do Ano

Sound & Color - Alabama Shakes

To Pimp A Butterfly - Kendrick Lamar

Traveller - Chris Stapleton

1989 - Taylor Swift

Beauty Behind The Madness - The Weeknd

Música do Ano

“Alright” - Kendrick Lamar

“Blank Space” - Taylor Swift

“Girl Crush” - Little Big Town

“See You Again” - Wiz Khalifa e Charlie Puth

“Thinking Out Loud” - The Weeknd

Melhor Videoclipe

“LSD” - ASAP Rocky

“I Feel Love (Every Million Miles)” - The Dead Weather

“Alright” - Kendrick Lamar

“Bad Blood” - Taylor Swift Featuring Kendrick Lamar

“Freedom” - Pharrell Williams

Melhor Álbum de Jazz Latino

Made in Brazil - Eliane Elias

Impromptu - The Rodriguez Brothers

Suite Caminos - Gonzalo Rubalcaba

Intercambio - Wayne Wallace Latin Jazz Quintet

Identities Are Changeable - Miguel Zenón

Melhor Álbum de World Music

Gilberto Samba ao Vivo - Gilberto Gil

Sings - Angelique Kidjo

Music From Inala - Ladysmith Black Mambazo com Ella Spira & The Inala Ensemble

Home - Anoushka Shankar

I Have No Everything Here - Zomba Prison Project

Melhor Trilha Sonora

Mr. Dynamite: The Rise Of James Brown - James Brown

Sonic Highways - Foo Fighters

What Happened, Miss Simone? - Nina Simone

The Wall - Roger Waters

Amy - Amy Winehouse

Melhor Álbum Urbano Contemporâneo

Ego Death - The Internet

You Should Be Here - Kehlani

Blood - Lianne La Havas

Wildheart - Miguel

Beauty Behind The Madness - The Weeknd

Melhor Álbum Vocal Pop

Piece By Piece - Kelly Clarkson

How Big, How Blue, How Beautiful - Florence + The Machine

Uptown Special - Mark Ronson

1989 - Taylor Swift

Before This World - James Taylor

Melhor Álbum Country

Montevallo - Sam Hunt

Pain Killer - Little Big Town

The Blade - Ashley Monroe

Pageant Material - Kacey Musgraves

Traveller - Chris Stapleton

Melhor Apresentação Solo Pop

“Heartbeat Song” - Kelly Clarkson

“Love Me Like You Do” - Ellie Goulding

“Thinking Out Loud” - Ed Sheeran

“Blank Space” - Taylor Swift

“Can't Feel My Face” - The Weeknd

Melhor Música de Rock

“Don't Wanna Fight” - Alabama Shakes

“Ex's & Oh’s” - Elle King

“Hold Back The River” - James Bay

“Lydia” - Highly Suspect

“What Kind Of Man” - Florence + The Machine

Melhor Álbum de Rock

Chaos And The Calm - James Bay

Kintsugi - Death Cab For Cutie

Mister Asylum - Highly Suspect

Drones - Muse

.5: The Gray Chapter - Slipknot

Artista Revelação

Courtney Barnett

James Bay

Sam Hunt

Tori Kelly

Meghan Trainor

Melhor Música Country

“Chances Are” - Lee Ann Womack

“Diamond Rings And Old Barstools” - Tim McGraw

“Girl Crush” - Little Big Town

“Hold My Hand” - Brandy Clark

“Traveller” - Chris Stapleton

Melhor Álbum de Reggae

Branches Of The Same Tree - Rocky Dawuni

The Cure - Jah Cure

Acousticalevy - Barrington Levy

Zion Awake - Luciano

Strictly Roots - Morgan Heritage

Melhor Álbum Alternativo

Sound & Color - Alabama Shakes

Vulnicura - Björk

The Waterfall - My Morning Jacket

Currents - Tame Impala

Star Wars - Wilco

Melhor Performance de Rap

“Apparently” - J. Cole

“Back To Back” - Drake

“Trap Queen” - Fetty Wap

“Alright” - Kendrick Lamar

“Truffle Butter” - Nicki Minaj Featuring Drake & Lil Wayne

“All Day” - Kanye West Featuring Theophilus London, Allan Kingdom & Paul McCartney

Melhor Álbum Pop Vocal Tradicional

The Silver Lining: The Songs Of Jerome Kern - Tony Bennett & Bill Charlap

Shadows In The Night - Bob Dylan

Stages - Josh Groban

No One Ever Tells You - Seth MacFarlane

My Dream Duets - Barry Manilow (& Various Artists)

Melhor Dupla Pop/Performance em Grupo

“Ship To Wreck” - Florence + The Machine

“Sugar” - Maroon 5

“Uptown Funk” - Mark Ronson Featuring Bruno Mars

“Bad Blood” - Taylor Swift e Kendrick Lamar

“See You Again” - Wiz Khalifa e Charlie Puth