Pulse

Grammy Latino: Caetano Veloso vence Melhor Canção Brasileira, mas artistas nacionais não faturam prêmio em categoria geral

Veja a lista de principais ganhadores da 15ª edição da premiação, que ainda congratulou Erasmo Carlos, Ivete Sangalo, Maria Rita e Marisa Monte

Redação Publicado em 21/11/2014, às 13h00 - Atualizado às 13h53

A apresentação foi a estreia da turnê do disco Abraçaço
Taiz Dering / Divulgação

Nesta quinta-feira, 20, foi realizada a cerimônia de premiação da 15ª edição do Grammy Latino. Entre os artistas premiados estiveram Caetano Veloso, Erasmo Carlos, Ivete Sangalo, Maria Rita, Marisa Monte, Falamansa, Sérgio Reis, Jorge Drexler, Paco de Lucía, Ana Tijoux, Enrique Iglesias e Mariana Vega, entre outros.

Galeria: o rock em versão alternativa.

Nas categorias gerais – as premiações mais importantes, nos quais os brasileiros concorrem com artistas hispano-americanos – nenhum artista nacional foi contemplado com a estatueta. Caetano Veloso, que teve a música “A Bossa Nova É Foda” indicada na categoria Melhor Canção do Ano, perdeu a disputa para Enrique Iglesias, com “Bailando.”

O músico baiano, entretanto, angariou o prêmio mais importante relacionado à música brasileira dentro da premiação, o de Melhor Canção Brasileira, com a mesma “A Bossa Nova É Foda”. Canción Andaluza, do espanhol Paco de Lucía, foi o vencedor na categoria geral Melhor Álbum do Ano.

Ney Matogrosso sobre homenagem no Grammy Latino: “Fiquei emocionado, mas prêmio não vai mudar minha vida.”

A entrega dos prêmios de música brasileira não revelou nenhuma novidade, com artistas já consagrados ganhando o gramofone dourado. O tremendão Erasmo Carlos foi congratulado com o prêmio de Melhor Álbum de Rock, com Gigante Gentil, derrotando La Familia 013, do Charlie Brown Jr., Nunca Tem Fim..., do Rappa, Sei, Como Foi Em BH, do Nando Reis, e Nheengatu, do Titãs.

Ivete Sangalo teve o Melhor Álbum Pop Contemporâneo, com Multishow Ao Vivo - Ivete Sangalo 20 Anos; Marisa Monte, por Verdade, Uma Ilusão, ficou com o prêmio de Melhor Álbum de Música Popular Brasileira; Coração a Batucar, de Maria Rita, foi o Melhor Álbum de Samba/Pagode; Amigo Velho, do Falamansa, faturou como Melhor Álbum de Música de Raízes Brasileiras; e Questão de Tempo, de Sérgio Reis, ganhou como Melhor Álbum de Música Sertaneja.

“Todo artista enfrenta problemas para tocar músicas novas”, diz Erasmo Carlos.

Veja abaixo a lista com os principais vencedores e, em seguida, os brasileiros que faturaram o gramofone dourado.

Grammy Latino 2014

Prêmios gerais

Melhor Álbum do Ano: Canción Andaluza, Paco de Lucía

Melhor Canção do Ano: “Bailando”, Enrique Iglesias com Descemer Bueno e Gente de Zona

Melhor Gravação do Ano: “Universos Paralelos”, Jorge Drexler e Ana Tijoux

Melhor Álbum de Rock: Agua Maldita, Molotov

Melhor Álbum Compositor: Bailar En La Cueva, Jorge Drexler

Melhor Álbum de Música Urbana: Multiviral, Calle 13

Melhor Canção Urbana: “Bailando”, Enrique Iglesias com Descemer Bueno e Gente de Zona

Melhor Álbum Tropical Contemporâneo: Más + Corazón Profundo, Carlos Vives

Artista Revelação: Mariana Vega (Venezuela)

Prêmios de música brasileira

Melhor Canção Brasileira: "A Bossa Nova É Foda", Caetano Veloso

Melhor Álbum Pop Contemporâneo – Multishow Ao Vivo – Ivete Sangalo 20 Anos, Ivete Sangalo

Música Álbum de Rock – Gigante Gentil, Erasmo Carlos

Melhor Álbum de Samba/Pagode – Coração a Batucar, Maria Rita

Melhor Álbum de Música Popular Brasileira – Verdade, Uma Ilusão, Marisa Monte

Melhor Álbum de Música Sertaneja – Questão de Tempo, Sergio Reis

Melhor Álbum de Música de Raízes Brasileira – Amigo Velho, Falamansa