Guitarrista do Surfer Blood atinge meta de doações para tratamento de câncer

Thomas Fekete luta contra um tipo raro e agressivo da doença e buscou ajuda na internet

Redação Publicado em 01/05/2015, às 17h10 - Atualizado às 18h14

Surfer Blood
Taiz Dering / Divulgação

Uma ótima notícia para o guitarrista do Surfer Blood, Thomas Fekete. Atingido por um tipo raro e agressivo de câncer no abdômen, o músico recorreu à internet e pediu ajuda para pagar o caro tratamento: e obteve sucesso.

Veja fotos do show do Surfer Blood em São Paulo.

Em 12 dias, Fekete arrecadou, via site de financiamento coletivo, US$ 77 mil (cerca de R$ 231 mil), superando os US$ 76 mil inicialmente pedidos.

John Paul Pitts, líder do Surfer Blood, comentou o sucesso da empreitada: “A arrecadação realmente está fazendo o espírito de Thomas flutuar. O que ele enfrentou até aqui é muito assustador e ele está extremamente agradecido e inspirado pela efusão de amor e generosidade. Obrigado a todos”.

Após o diagnóstico da doença há alguns meses, Fekete recebeu de especialistas a notícia de que o único tratamento adequado é um método alternativo, muito avançado e extremamente caro. “O plano de saúde só arcará com parte do tratamento”, afirmou o guitarrista.

“Qualquer doação será de enorme ajuda”, ressaltou Fekete na época. “Não tenho condições de sair em turnê e a única fonte de renda que tenho é o trabalho da minha esposa, com quem me casei em novembro”.

O Surfer Blood lançará em 18 de maio um novo disco, o terceiro do grupo, 1000 Palms. Nessa quinta-feira, 30, foi lançado um novo clipe do grupo, de “I Can’t Explain”.

Assista ao vídeo: