James Cameron doa submarino Deepsea Challenger a pesquisadores

Cápsula utilizada para projeto no fundo do mar será dada a instituto de oceanografia norte-americano

Redação Publicado em 26/03/2013, às 12h37 - Atualizado às 20h10

James Cameron
AP

Exatamente um ano depois de mergulhar ao ponto mais fundo do oceano, James Cameron doará o submarino utilizado para a Woods Hole Oceanographic Institution (WHOI), a maior instituição independente de estudos oceanográficos do mundo.

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

A novidade foi revelada pela própria instituição em comunicado oficial. “Os sete anos que passamos desenhando e construindo a Deepsea Challenger foram dedicados a expandir as opções disponíveis aos pesquisadores do fundo do mar. Nosso submarino é um conceito científico, e nossa parceria com o WHOI é uma forma de fornecer a tecnologia que desenvolvemos para a comunidade oceanográfica”, afirmou o cineasta.

Foi com a cápsula individual que Cameron visitou em março do ano passado a Fossa das Marianas para filmar o projeto que deve ser lançado em 3D ainda neste ano sob o nome Deepsea Challenger. Cameron demorou duas horas e meia na aventura e foi o terceiro homem da história a descer ao local.