Japão nega visto a Velvet Revolver

Banda dos ex-Guns e do vocal do Temple Pilots teve de cancelar turnê marcada para este mês; leia matéria sobre o Velvet publicada na revista

Da redação Publicado em 19/11/2007, às 19h04 - Atualizado em 20/11/2007, às 17h31

Scott Wailand (à esquerda) e Slash
AP

A banda Velvet Revolver teve de cancelar uma turnê japonesa marcada para o fim deste mês, novembro, por falta de visto.

A banda, formada por três ex-Guns n' Roses (Slash incluso) e o vocalista do Stone Temple Pilots, Scott Wailand, comunicou os fãs por um post em seu site. "Pedimos desculpas aos fãs no Japão, que não poderão assistir aos nossos shows", declarou o grupo, que tocaria em Tóquio, Osaka, Nagoya e Yokohama.

"Não entendemos por que as autoridades não querem aprovar nossos vistos, já que conseguimos entradas em 2005 e fizemos uma turnê muito bem sucedida. Amamos o Japão e estamos ansiosos para tocar no país de novo", arremataram.

Segundo a banda, na mesma nota, a rejeição pode ter sido motivada por problemas legais de alguns dos músicos e pela rigidez "cada vez maior" das autoridades japonesas.

O Velvet Revolver segue para a Austrália.