Jessica Biel e Sharlto Copley podem entrar em remake de Esquadrão Classe A

Adaptação da série oitentista já conta com Liam Neeson, Bradley Cooper e lutador Quinton "Rampage" Jackson

Da redação Publicado em 16/09/2009, às 12h35

Jessica Biel e Sharlto Copley negociam participação em The A-Team, remake da série televisiva de 1983 que, no Brasil, ficou conhecida como Esquadrão Classe A.

O time de produtores conta com Ridley Scott (Blade Runner - O Caçador de Androides) e Stephen J. Cannell, criador do seriado. A direção ficará por conta de Joe Carnahan (A Última Cartada).

O nome de Copley pode ser pouco conhecido por estas bandas, mas a cotação do sul-africano está em alta em Hollywood - ele estrelou District 9, ficção científica lançada nos Estados Unidos em agosto, candidata ao posto de hit da estação. Se fechar contrato para The A-Team, ele interpretará o piloto de helicóptero "Howling Mad" Murdock. A marca do personagem - que já foi um dos melhores pilotos do exército - é a loucura, com direito a alucinações e perda de memória.

Biel, que leva no currículo filmes como O Massacre da Serra Elétrica e O Ilusionista, contracenará com Jake Gyllenhaal na comédia romântica Nailed.

A nova versão de Esquadrão Classe A já conta com Liam Neeson (que irá interpretar Abraham Lincoln em cinebiografia dirigida por Steven Spielberg), Bradley Cooper (Se Beber, Não Case) e o ex-campeão mundial de peso meio-pesados Quinton "Rampage" Jackson. Eles encarnarão, respectivamente, John "Hannibal" Smith (líder do esquadrão), Templeton "Cara de Pau" Peck (perito em disfarces) e B.A. "Bad Attitude" Baracus (o fortão do time).

O filme atualizará a história-base da série oitentista, exibida pelo SBT a partir de 1984 e, no começo dos anos 90, reprisada pela Globo. No enredo original, o esquadrão era composto por soldados veteranos da Guerra do Vietnã; agora, eles serão ex-combatentes no Iraque. Em ambos os casos, a equipe é condenada pelo exército por um crime que cometeu sob ordens de superiores. Quando escapam do cárcere, os integrantes - sempre em fuga de forças governamentais - acabam prestando serviço como "mercenários do bem".

De acordo com o site da revista Variety, o filme preservará a história-base do programa, mas pretende injetar mais seriedade à narrativa.

A publicação menciona o personagem de Cooper como "o general que persegue o time", com Biel na pele de uma ex-namorada. Uma mudança em relação à série, que trazia Peck como integrante do Esquadrão Classe A.

As filmagens começarão no outono (primavera, para o hemisfério sul), em Vancouver, Canadá.