Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone

Larry Nassar, ex-médico de ginástica condenado por abuso, é esfaqueado na prisão

Mais de 150 ginastas dos Estados Unidos acusaram Larry Nassar de abuso; médico foi condenado a 175 anos de prisão em 2018

Redação Publicado em 10/07/2023, às 14h56

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Larry Nassar (Foto: Scott Olson/Getty Images)
Larry Nassar (Foto: Scott Olson/Getty Images)

Larry Nassar, ex-médico de ginástica dos Estados Unidos condenado por abuso, foi esfaqueado diversas vezes em uma prisão federal do país, segundo informações de fontes de veículos como Associated Press, ABC News e NBC News.

A incidente aconteceu no último domingo, 9, quando outro detento da Penitenciária Coleman, na Flórida, esfaqueou Nassar, responsável por abusar sexualmente de ginastas estadunidenses, no peito e nas costas. Até o momento, não divulgaram outros detalhes do ataque.

+++LEIA MAIS: João de Deus é condenado a quase 100 anos de prisão em três novos processos

Entenda o caso Larry Nassar

Condenação de janeiro de 2018 colocou Nassar como culpado por abusar sexualmente de mulheres e meninas por décadas quando trabalhou na Universidade Estadual do Michigan e como médico da equipe de ginástica dos Estados Unidos. Ele foi condenado a 175 anos de prisão.

Além disso, ele se declarou culpado por possuir 37 mil imagens de pornografia infantil. Por isso, foi condenado a 60 anos de prisão federal, segundo relatos do The Detroit News. Ao todo, mais de 150 mulheres e meninas acusaram Larry Nassar de agressão, como as ginastas Aly Raisman, Simone Biles, McKayla Maroney e Gabby Douglas.

+++LEIA MAIS: Ozzy Osbourne cancela show em festival por problemas de saúde