Limp Bizkit entrará em estúdio em breve

Depois do vaivém de Wes Borland, grupo começará a trabalhar em The Unquestionable Truth (Part 2)

Da redação Publicado em 04/08/2009, às 12h46

Após retornar, no começo do ano, à formação original, o grupo norte-americano Limp Bizkit promete, agora, começar a gravar The Unquestionable Truth (Part 2), o novo álbum de sua carreira, nas próximas semanas.

Frontman da banda de nu metal, Fred Durst revelou ao site do semanário britânico NME que todos os integrantes "se sentem bem confiantes" sobre o trabalho, sucessor de The Unquestionable Truth (Part 2), liberado em 2005.

Em fevereiro, Durst e o guitarrista Wes Borland anunciaram a volta à ativa do Limp Bizkit. A explicação, postada no site oficial do grupo, era a seguinte: eles estavam "mais chateados e desgostosos com o estado da música pop do que um com o outro". Em 2001, Borland abandonou os colegas por considerar o Limp Bizkit como uma "banda vendida". Voltou rapidamente, para cair fora mais uma vez em 2006.

O guitarrista pródigo explicou ao NME sobre o processo de composição para a nova realização. "[Ela] toma todos os formatos e todas as formas. Nós escrevemos músicas durante shows da última turnê. Algumas vezes é espontâneo. Em outras, é como se estivéssemos tentando derrubar um Tiranossauro Rex."

Em junho, Durst já havia prometido um trabalho que passasse longe de ser uma "versão aguada" do grupo. "Vai ser uma versão mais explosiva, mais viciante e mais carregada [da banda]."

"É como uma piscina de ideias. Como um bando de canções acabadas que todo fez em seu estúdio caseiro", continou Borland, para emendar que o disco pegará fôlego quando, provavelmente, todos os integrantes estiverem juntos no mesmo cômodo. Clique aqui para assistir à entrevista dos músicos ao NME.