Lollapalooza 2019: Macklemore reúne os verdadeiros fãs para cantar sobre aprender a amar

Apesar de disputar horário com o Arctic Monkey, o rapper conseguiu juntar seu público mais fiel e não muito chegado no indie

Igor Brunaldi Publicado em 05/04/2019, às 23h20

None
Macklemore no Lollapalooza 2019 (Foto: Mila Maluhy)

O último show da sexta, 5, do palco Adidas, ficou sob responsabilidade do rapper Macklemore. Infelizmente, seu concorrente de horário foi o Arctic Monkeys, e isso fez com que ele não conseguisse reunir o maior número de pessoas que realmente poderia.

Mas ainda assim, os fãs marcaram presença e compartillharam de todo o amor que o músico tinha para oferecer.

O show apresenta um formato um tanto quanto confessionário, como se Ben Haggerty (seu nome de nascença), te chamasse para sentar numa mesa de bar, colocasse um beat e começasse a se abrir para você, de amigo para amigo.

Sobre amor, credo, origens e liberdade sexual, ele abre os braços e convida todo mundo a fazer parte de um todo.

Como essa era sua primeira vez no Brasil, ele aproveitou o momento para estrear uma música e ainda concretizou a importância do momento: as imagens gravadas pelas câmeras serão usadas no clipe do lançamento. O nome não foi revelado.

Willy Wonka”, “Can’t Hold Us”, “Same Love” e “Dance Off” fizeram parte das músicas que finalizaram o primeiro dia de sol escaldante e discursos anti-Bolsonaro.