Martinho da Vila, Alcione, Diogo Nogueira e Roberta Sá farão turnê em homenagem ao samba

Quarteto viajará por seis capitais do país com shows gratuitos

Redação Publicado em 04/02/2014, às 13h44 - Atualizado às 13h56

martinho da vila, alcione, diogo nogueira, roberta sá
Marcos Hermes / Divulgação

Depois de homenagear dois dos maiores ícones da música brasileira, o projeto Nivea Viva, em 2014, será dedicado não a uma pessoa, mas a um gênero. O samba, que logo completará oficialmente seu centenário, será cantado em turnê gratuita por Martinho da Vila, Alcione, Diogo Nogueira e Roberta Sá.

Os dois primeiros, veteranos da música brasileira, são dos maiores ícones que o samba já produziu e poderão cantar clássicos como “Casa de Bamba” e “Não Deixe o Samba Morrer”. Já Diogo terá a chance de dedicar parte de sua apresentação ao pai, João Nogueira, um dos grandes sambistas da história.

“Meu último disco tem um samba só, e eu já tinha colocado no meu iPod um monte de samba para voltar a ouvir, e fazer um retorno para esse lugar de intimidade com o samba”, comemora Roberta.

O projeto terá direção artística da produtora Monique Gardenberg, que em 2013 dirigiu a homenagem a Tom Jobim cantada por Vanessa da Mata. “O samba tem a função de ser uma crônica social, um gênero musical que se utiliza do discurso popular”, exalta a diretora, que terá a ajuda de Hugo Sukman na curadoria e Alceu Maia na direção musical.

O projeto, segundo os organizadores, pretende também dar início às comemorações do centenário do samba, já que o primeiro registro do gênero data do dia 26 de novembro de 1916 – a canção “Pelo Telefone”, de Donga e Mauro de Almeida.

O show terá divisões temáticas, segundo Monique, tais como “Exaltação ao Samba”, “Desilusão”, “Sensualidade” e uma parte dedicada ao jeito alegre com que o gênero aborda a tristeza. “Com isso a gente quer visitar a obra de grandes compositores: Ataulfo Alves, Ismael Silva, Cartola, Noel Rosa. E também autores contemporâneos: Martinho, Chico Buarque, Gonzaguinha”, explica Monique.

O show Nivea Viva o Samba terá como primeiro destino Porto Alegre, no dia 16 de março, e então passa por Rio de Janeiro (23), Brasília (6 de abril), Recife (13), Salvador (27) e, por fim, em São Paulo (25 de maio). Ainda não foram especificados em que locais das cidades os espetáculos vão acontecer, mas serão sempre performances a céu aberto.