Mayhem se apresentará em São Paulo neste domingo, 9

Banda norueguesa de black metal virá para recordar o polêmico primeiro álbum

Redação Publicado em 07/10/2016, às 18h00 - Atualizado às 18h04

A banda Mayhem
Divulgação

A cena do metal nórdico é uma das mais polêmicas de todo o mundo. Neste domingo, 9, a lendária banda norueguesa de black metal Mayhem fará três apresentações no Brasil. Nesta sexta, 7, o grupo sobe ao palco do Espaço Cult, em Curitiba. No sábado, 8, é a vez do Rio de Janeiro receber a banda no Teatro Odisseia. E, para encerrar, tem show na Clash Club, em São Paulo, às 18h.

O grupo tocará, na integra, o polêmico álbum De Mysteriis Dom Sathanas (1994), considerado um dos discos mais macabros da história do rock. Antes de ele ser lançado, o vocalista Dead (Per Ohlin) cortou os pulsos e a garganta e atirou contra a própria cabeça com uma espingarda. O corpo dele foi encontrado pelo guitarrista Euronymous (Øystein Aarseth), que antes de chamar a polícia comprou uma câmera e fotografou o companheiro de banda desfigurado no quarto repleto de sangue. Uma dessas fotos foi usada como capa do disco pirata ao vivo Dawn of the Black Hearts. Para piorar, depois disso Euronymous foi assassinado pelo baixista Count Grishnackh (Varg Vikernes, líder do Burzum). Naquela época, membros do Mayhem e do Burzum incendiaram diversas igrejas, espalhando terror na Noruega.

Mesmo com todos esses contratempos problemas com a lei, a banda seguiu em frente e ainda dá um gás no palco. A formação atual traz Necrobucher (baixo), Hellhamamer (bateria), Attila Csihar (vocais), Teloch (guitarra) e Ghul (guitarra). O mais recente álbum de estúdio do Mayhem é Esoteric Warfare (2014).