Morre ator Eduardo Galvão aos 58 anos, vítima de Covid-19

A família do artista confirmou a notícia na noite da última segunda-feira, 7

Redação Publicado em 08/12/2020, às 08h46

None
Eduardo Galvão (Foto: Reprodução / Twitter)

O ator Eduardo Galvão morreu na noite da última segunda-feira, 7, aos 58 anos, de acordo com informações do Uol. Vítima de Covid-19, o artista já estava com 50% dos pulmões comprometidos quando deu entrada no hospital há mais de uma semana. 

Segundo relatos de familiares e amigos, Galvão estava internado no Hospital Unimed, na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro, e teve uma piora no quadro nos últimos dias, que resultou na entubação do ator e transferência para UTI.

Contudo, dois dias atrás, a filha do artista, Mariana Galvão, revelou que o pai estava se recuperando e até ingerindo shakes de nutrição. A notícia da morte do ator foi confirmada por volta da meia-noite de ontem. 

De acordo com a Revista Quem, Galvão começou a carreira nas novelas em O Salvador da Pátria (1989). Ao longo dos anos, ele  participou de diversas produções na televisão, entre elas, Despedida de Solteiro (1992), Porto dos Milagres(2001), O Beijo do Vampiro (2002) e Bom Sucesso (2019), todas da Rede Globo. 

Um dos destaques da carreira dele foi Caça Talentos (1996), em que contracenou com Angélica, Helena Fernandes, Ana Furtado e outras personalidades. 

Além disso, o ator deu vida ao pai do lendário Menino Maluquinho (2006), na TVE, e ainda participou de Dance Dance Dance(2007), da Band; Questão de Família (2014) e Magnífica 70(2015), da GNT e HBO; e Apocalipse(2017), da Record. 

Nas redes sociais, Galvão recebeu várias homenagens de colegas de profissão e personalidades, como Patrícia Pillar, Leo Jaime, Felipe Neto, José de Abreu e até o time Flamengo

+++ SIGA NOSSO SPOTIFY - conheça as melhores seleções musicais e novidades mais quentes


+++ TICO SANTA CRUZ: 'A GENTE QUERIA PROVOCAR OS CONSERVADORES' | ENTREVISTA | ROLLING STONE BRASIL