Morre Ed Lincoln

O compositor e arranjador que ajudou a criar o sambalanço foi vítima de insuficiência respiratória

Redação Publicado em 17/07/2012, às 09h17 - Atualizado às 11h09

Ed Lincoln
Reprodução

Morreu no fim da tarde da última segunda, 16, o compositor e arranjador Ed Lincoln, aos 80 anos. Ele tinha movimentos limitados desde 1963, quando sofreu um acidente, e estava internado havia dez dias devido a uma infecção urinária. A causa da morte foi insuficiência respiratória.

Nascido em Fortaleza, Ed se mudou para o Rio de Janeiro aos 19 anos, onde começou a carreira como contrabaixista. Porém, foi com outro instrumento, o órgão, que ele concretizou seu nome na história da música como um dos criadores de um novo estilo musical, nos anos 60: o sambalanço.

Conhecido como o “rei dos bailes”, Lincoln trabalhou ao lado de grandes instrumentistas, dentre eles Bebeto Castilho, Durval Ferreira, Alex Malheiros e Wilson das Neves. Estava em alta na carreira em 1963, ano em que lançou o disco Seu Piano e seu Órgão Espetacular, quando sofreu um grave acidente de carro e teve que passar sete meses se recuperando. No ano seguinte, voltou à ativa com A Volta. Na década seguinte, Lincoln passou a investir em jingles e trilhas sonoras.

O músico morava em Petrópolis e será enterrado nesta terça, 17, no cemitério São João Batista, no Rio.