Morre o músico cubano Bebo Valdés

O compositor e pianista sofria do Mal de Alzheimer e estava com 94 anos

Redação Publicado em 23/03/2013, às 14h13 - Atualizado às 14h34

Bebo Valdés
AP

Morreu aos 94 anos o compositor, arranjador e pianista cubano Bebo Valdés, considerado um dos maiores músicos daquele país. Ele morreu na última sexta, 22, na Suécia, onde morava há 40 anos. Bebo sofria de Mal de Alzheimer, mas a causa exata da morte não foi divulgada. As informações são da agência Reuters.

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

Pai do também músico Chuco Valdés, vencedor de vários prêmios Grammy, o pianista compôs mambos, elevou o nome do jazz latino e incentivou a cena musical afro-cubana, tendo dirigido shows em casas noturnas a partir dos anos 40. Integrou, ainda, algumas das maiores big bands de seu país de origem.

Em 1994, após 34 anos longe dos estúdios, Bebo voltou à gravar e fez Bebo Rides Again. A partir de então retomou realmente a carreira e lançou mais vinte álbuns.