Morre Peter Banks, guitarrista original do Yes

O músico gravou os dois primeiros discos do grupo, Yes (1969) e Time and a Word (1970)

RJ Cubarrubia Publicado em 12/03/2013, às 14h40 - Atualizado às 15h52

Disco Two Sides of Peter Banks
Reprodução / Vídeo

Peter Banks, conhecido como o guitarrista original do Yes, morreu na última quinta-feira, 7, em sua casa, em Londres, de parada cardíaca. Ele tinha 65 anos. Banks foi encontrado depois de faltar a uma sessão de gravação.

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

Depois de tocar com o baixista Chris Squire em uma banda chamada Syn, Banks e Squire ajudaram a formar o Yes, em 1968. Banks tocou com a banda nos dois primeiros discos, Yes (1969) e Time and a Word (1970). Desacordos sobre o direcionamento deste segundo álbum levaram Banks a deixar a banda antes mesmo do lançamento.

Depois do Yes, Banks formou o Flash e lançou três discos de estúdio com o grupo: Flash, In the Can (ambos de 1972) e Out of Our Hands (1973). Ele, então, formou a Empire, lançando Mark I (1973), Mark II (1974) e Mark III (1979).

Banks também se aventurou por discos solo, lançando o primeiro em 1973, chamado Two Sides of Peter Banks. Ele seguiu com mais três álbuns, Nineties with Instinct (1994), Self-Contained (1995) e Reduction (1997). Ele atualmente trabalhava em uma coletânea ao vivo chamada Flash – In Public.

A versão renovada do Yes está atualmente em turnê executando, na íntegra, os discos clássicos Close to the Edge, Going for the One e The Yes Album. Essa turnê passará por São Paulo no dia 24 de maio, no HSBC Brasil.