Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone
Notícias / Processo

Motorista de ônibus alega que não recebeu royalties por cocriação de música de Tupac

Terrence Thomas, conhecido como DJ Master Tee afirma que foi um dos criadores de ‘Dear Mama’

Imagem Motorista de ônibus alega que não recebeu royalties por cocriação de música de Tupac

Terrence Thomas, músico e motorista de ônibus de Nova Iorque, abriu uma ação por direitos autorais. O artista que usa o nome DJ Master Tee alega que é um dos criadores da canção “Dear Mama”, de Tupac, pela qual não teria recebido os devidos créditos ou Royalties.

Na ação, Thomas afirma que sua participação foi fundamental para o desenvolvimento da canção. Ele ainda anexou ao processo diversas entrevistas com o rapper, além de manuscritos de Tupac em que ele aparece creditado como um dos criadores da faixa.

+++LEIA MAIS: Tupac Shakur: Itens do período de prisão serão leiloados

Apesar de já ter sido reconhecido como cocriador de “Dear Mama”, o artista alega que “nunca foi devidamente e totalmente creditado por seus direitos autorais de publicação.” Ainda segundo ele, Tony Pizarro — conhecido pela produção da música — lidera um “grupo egoísta” que “conspirou e agiu em conjunto para apropriar-se do máximo de crédito possível para 'Dear Mama', excluindo Master Tee enquanto 2Pac estava encarcerado e após sua morte.” Para ele, a executivos do Universal Music Group e da Interscope Records também estariam envolvidos na conspiração.