O filme de Liga da Justiça não será rodado tão cedo, diz intérprete de Superman

Henry Cavill, protagonista de Homem de Aço, acredita que o filme que reunirá os heróis da DC Comics deverá demorar a ser feito

Redação Publicado em 26/06/2013, às 15h32 - Atualizado às 16h19

Superman
Divulgação

Henry Cavill, o escolhido para a revitalização do Superman e estrela do filme Homem de Aço, não acredita que o ventilado filme sobre a Liga da Justiça chegará aos cinemas tão cedo.

O grande problema, alega Cavill em entrevista ao ABC News, é que o universo da DC Comics traz personagens muito mais surreais do que a rival das HQs Marvel Comics, que no ano passado concluiu a primeira saga cinematográfica com o filme Os Vingadores.

A Liga da Justiça é formada por super-heróis como Superman, Mulher Maravilha, Lanterna Verde, Aquaman, Flash e o Batman, que compensa a falta de poderes pela inteligência acima da média e uma série de bugigangas e armas.

“O filme Liga da Justiça seria ótimo se fosse feito corretamente”, disse Henry. “Fazê-lo é muito difícil porque os personagens da DC Comics são todos quase deuses em seus poderes. E, neste universo cinematográfico bastante realista, com a forma real com a qual estamos contando essa história, será difícil conseguir isso. O filme precisará ser feito de forma bastante delicada, com muito espaço para se pensar. Então, não será lançado tão cedo. Eu espero que não, de qualquer forma. Levará certo tempo para criar os outros filmes, outros personagens e introduzi-los uns aos outros.”

Por enquanto, apenas Batman e o Lanterna Verde ganharam filmes próprios. O primeiro, com a bem-sucedida trilogia O Cavaleiro das Trevas, de Christopher Nolan. Já o herói esmeralda, vivido por Ryan Reynolds, decepcionou os fãs.

O próximo é justamente Homem de Aço, com o Superman de Cavill, que chega aos cinemas brasileiros em 12 de julho. O filme é dirigido por Zack Snyder (300 e Watchmen) e recriará a história do herói desde o início.