Pulse

Pearl Jam doa US$ 70 mil a homem que salvou a vida de Eddie Vedder

Keith Baxter ajudou o vocalista da banda depois que a canoa dele virou

Rolling Stone EUA Publicado em 02/01/2017, às 17h49 - Atualizado em 03/01/2017, às 10h39

O vocalista Eddie Vedder durante show do Pearl Jam no The Wells Fargo Center, na Filadélfia, Estados Unidos, em abril de 2016

Ver Galeria
(2 imagens)

O Pearl Jam doou US$ 70 mil a Keith Baxter, um havaiano que certa vez salvou a vida de Eddie Vedder em um acidente de barco, conforme foi revelado pelo site The Inertia.

Há quinze anos, Baxter e a filha dele, Ashley, ajudaram Vedder e outras cinco pessoas depois que a canoa em que estavam virou no canal de Pailolo, que separa as ilhas de Molokai e Maui, no Havaí.

LEIA TAMBÉM

[Galeria] 15 músicas incríveis do PJ que só grandes fãs conhecem

Pearl Jam toca “Man of the Hour” em homenagem a Layne Staley, do Alice in Chains

Pearl Jam, Joan Baez e Tupac são escolhidos para o Hall da Fama do Rock em 2017

Eles ficaram na água por horas, aglomerados ao redor do barco virado. Alguns conseguiram escalar a embarcação usando um mastro quebrado como uma espécie de escada. No entanto, Vedder e outras duas pessoas não conseguiram.

Na ocasião, a família Baxter passava de barco pelo canal, quando Ashley disse ao pai ter ouvido vozes vindo da água. Os dois localizaram, então, Vedder e os demais náufragos, auxiliando-os a voltarem à terra firme. Em 2013, o vocalista do Pearl Jam chegou a dedicar a faixa “Future Days” a Ashley durante uma performance do Pearl Jam.

Como forma de agradecimento, Vedder doará US$ 70 mil aos Baxter. O dinheiro ajudará a família a cobrir as despesas médicas de Keith, depois que uma âncora enferrujada feriu as pernas dele em um acidente de barco. Mesmo com o tratamento, ele ainda corre o risco de perder uma das pernas.

Humor generoso

Vedder está com um humor bastante generoso ultimamente. Em dezembro do ano passado, ele doou US$ 10 mil a uma família de Maryland que corria o risco de ser despejada da própria casa.

No dia 19 de dezembro, o Washington Post publicou uma matéria sobre uma mãe de seis filhos que postou no site Craigslist em busca da ajuda de estranhos. De acordo com o que Tyshika Britten escreveu no pedido, a família corria risco de ser despejada e não tinha dinheiro para presentes de Natal.

“Eu estava comovido pela história e pelo o que esta mãe fez pelos seus filhos”, Vedder disse ao jornal no domingo, 25. “Eu pensei que essas crianças devem estar muito orgulhosas da mãe por buscar por ajuda. Isso requer muita coragem.”

Vedder acrescentou que as dificuldades de Britten o lembraram da própria infância: “Houve anos em que tive presentes do Papai Noel, mas eles eram usados e vinham de vendas em garagens e nem sempre funcionava.”

Além do cheque de Vedder, a família de Bretton recebeu presentes, desde um Kindle até um filhote de cachorro que alguém deixou na casa deles. A página no site GoFundMe da família de Britten também arrecadou mais de US$18 mil, o triplo do objetivo inicial de US$ 6 mil, que serão utilizados para dar uma respiro financeiro à família neste novo capítulo da vida deles.