Retorno com lágrimas

Anos depois, Mallu se apresenta novamente no Planeta Terra

Stella Rodrigues Publicado em 20/10/2012, às 19h39 - Atualizado em 21/10/2012, às 16h51

Mallu no Planeta Terra

Ver Galeria
(2 imagens)

Mallu fez um show curto e doce no Planeta Terra Festival na tarde deste sábado, 20, em São Paulo. A cantora pareceu sofrer durante boa parte da apresentação com problemas no som do palco principal, mas conseguiu levar a performance em frente, mesmo que tenha ficado nervosa no início da apresentação chuvosa e chorado lágrimas pretas (cortesia da maquiagem dos olhos).

O Disco Artesanal de Mallu Magalhães.

A cantora ainda carregava o sobrenome Magalhães e a pecha de revelação prodígio quando subiu ao palco do festival pela primeira vez, em 2008. Agora, voltou ao evento mais velha, com canções mais maduras e uma pose mais decidida - mesmo que as questões técnicas a tenham levado às lágrimas. A performance foi aberta com “Cena”, seguida de “Ô, Ana”, durante a qual ela estremeceu a voz e chorou. Dali para frente, ela se acalmou, superou a insegurança e seguiu em frente com um repertório bem construído, incluindo ainda os covers “Me Gustas Tu” (Manu Chao) e o jazz “All of Me”. Porém, seu rosto ficou marcado pelo resto do show do momento de emoção, já que a maquiagem escorrida formou dois riscos abaixo dos olhos dela e lá permaneceram.

Depois de se acalmar e conseguir resolver questões de retorno e áudio, ela soltou, cheia de sua usual candura: “agora que passou o choro vocês se preparem!”. A apresentação ainda contou com outras faixas do disco de 2011 Pitanga, como “Olha Só, Moreno”, o ótimo single “Velha e Louca” e “Lonely”. Mallu foi embora agradecida pela presença do público, que viu ouviu a maior parte das músicas sob chuva, “no show que faço com tanto carinho”. Curta e doce.