Sequência de Procurando Nemo teve final alterado depois de documentário sobre orcas

Blackfish mostra tratamento dado a animais em parques temáticos e influenciou a continuação da Pixar

Redação Publicado em 12/08/2013, às 12h21 - Atualizado às 19h09

Procurando Nemo
Divulgação

Aguardado com entusiasmo por fãs, a sequência de Procurando Nemo teve final alterado por causa de documentário sobre o tratamento recebido por baleias orcas em parques temáticos, segundo noticiou o site do jornal Los Angeles Times.

Finding Dory (“Procurando Dory”), que terá Ellen DeGeneres novamente como dubladora da carismática e atrapalhada personagem, foi influenciado pelo documentário Blackfish. O filme, exibido com louvor no Festival de Sundance no início do ano, mostra a história de Tilikum, uma baleia que matou três pessoas enquanto vivia em cativeiro, e o tratamento que esses animais recebem em parques como o SeaWorld. Instalações deste tipo eram citadas no roteiro inicial da continuação, embora poucos detalhes sobre o enredo tenham sido revelados até agora. Blackfish, que se mostra contra a vida de baleias nesses locais, estreou no circuito comercial norte-americano no dia 26 de julho.

Está marcada para o dia 25 de novembro de 2015 a estreia da continuação de Procurando Nemo, que chegou aos cinemas em 2003. Andrew Stanton, veterano da Pixar que comandou o filme original, volta a assumir a vida marinha na continuação.