Vídeo revela homofobia escondida em piadas de Friends

Compilado de quase 1 hora de duração estourou nas redes sociais e esquentou novamente a discussão

Redação Publicado em 11/03/2019, às 19h31

None
Friends (Foto: Divulgação)

Mesmo 15 anos após o seu fim, Friends ainda é uma das séries mais icônicas da televisão. A história dos seis amigos morando em Nova York no início da sua vida adulta bateu diversos recordes de audiência, e ainda hoje é uma das mais procuradas em serviços de streaming. 

Mas nem todas as suas piadas são inofensivas, como mostrou Tijana Mamula. A cineasta compilou todas as piadas de cunho homofóbico vistas ao longo das 10 temporadas, e acabou com 50 minutos de material - o equivalente a 2 episódios inteiros da série. 

A maioria das piadas se dá às custas de Carol (Jane Sibbett), a ex-esposa de Ross (David Schwimmer), que termina com ele para namorar outra mulher. De piadas de sexualidade até objetificação, as falas têm um fundo homofóbico. Além disso, também há diversos momentos em que Joey (Matt LeBlanc) é criticado por ter atitudes tidas como não masculinas, como fazer as sobrancelhas, usar uma bolsa e fazer um comercial de batom para homens. 

Porém, para Kelsey Miller, autora de I'll Be There For You: The One About Friends, a série apenas aplica as piadas de acordo com o contexto social da época, e não tem intenção de ser homofóbica - pelo contrário, apresentou o primeiro casamento de Carol e Susan, a primeira cerimônia LGBT no horário nobre dos Estados Unidos. 

“[Friends] se coloca como uma incômoda recordação de um tempo, nem tão distante, no qual as piadas sobre gays eram muito mais aceitas na tela do que os próprios gays, para não falar do casamento homossexual”, argumentou a autora.

Veja o compilado feito por Mamula: