Viúva de Chico Anysio quer criar instituto de combate ao tabagismo

Malga Di Paula também afirma que o nome do humorista irá batizar uma rua no Rio de Janeiro

Redação Publicado em 26/03/2012, às 10h56 - Atualizado às 11h37

Chico Anysio
Divulgação

De acordo com o portal G1, a empresária Malga Di Paula, viúva de Chico Anysio, afirmou que a família dele está criando o Instituto Chico Anysio. Segundo ela contou, a intenção da organização será combater o tabagismo e ajudar pessoas com doenças bronco-respiratórias.

Gênio indomável: em 2008, Chico Anysio falou à Rolling Stone sobre sua paixão pelo futebol e, claro, sobre o humor no Brasil.

"Vou abrir esse instituto porque é para ajudar. São 250 milhões de pessoas no mundo que sofrem desse mal e que o Chico vai estar ajudando", explicou Malga, que agora deverá se mobilizar para juntar os fundos necessários para a criação da instituição.

Chico Anysio morreu na última sexta, 23, em consequência de uma parada cardiorrespiratória, após passar três meses no hospital e mais de um ano se tratando por diversos problemas de saúde.

"Esse instituto é principalmente de apoio à pesquisa das doenças bronco-pulmonares. Estamos apoiando um projeto de um cientista brasileiro de São Paulo, doutor João Tadeu Bastos, cujo tratamento está muito próximo da cura do enfisema, utilizando células-tronco", revelou Malga, que ainda contou que o instituto era um sonho de Chico que ele nunca conseguiu realizar.

Outra homenagem que será prestada a ele é o batizado de uma rua do Rio de Janeiro com o nome dele. O local fica na zona oeste, é uma curva que vai para o Projac. “Ele falou que queria muito que se chamasse curva do Chico, porque a curva não acaba nunca."