Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone
Vitrine / Livros

7 livros que mereciam ser readaptados para o cinema

Conheça 5 livros cujo as adaptações decepcionaram os fãs e mereciam ter o seu reboot

Redação Publicado em 24/01/2024, às 15h30

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Conheça 7 obras cujo as adaptações decepcionaram os fãs e mereciam ter o seu reboot - Reprodução/Amazon
Conheça 7 obras cujo as adaptações decepcionaram os fãs e mereciam ter o seu reboot - Reprodução/Amazon

Adaptar uma obra para uma produção audiovisual não é uma tarefa fácil, o que muitas vezes resulta em filmes e séries ruins que não agradam aos fãs e ao público comum. No entanto, há sempre uma oportunidade de tentar novamente.

Recentemente, foi anunciado que a série de livros Percy Jackson e os Olimpianos ganhará uma nova oportunidade de se redimir com seu público após dois filmes mal-recebidos pelos fãs. Dessa vez, a saga retornará no formato de série para a plataforma de streaming Disney+.

Seguindo o exemplo de Percy Jackson, nós selecionamos 7 livros que tiveram adaptações ruins e mereciam ganhar um reboot para agradar os fãs e fazer jus a sua história original.

Veja só:

1. Os Legados de Lorien, de Pittacus Lore (2011) - https://amzn.to/3Eq74yR

A série de livros de Pittacus Lore tinha tudo para ser uma grande franquia de filmes, onde a ficção científica transforma a história em uma grande batalha alienígena travada em solo terrestre ao contar sobre um grupo de jovens que se refugia na Terra para escapar da raça inimiga. No entanto, a adaptação de 2011 com Alex Pettyfer e Dianna Agron no elenco principal, no filme mais conhecido como "Eu Sou O Número 4" pecou ao trasformar a história de ação em um grande romance adolescente, o que fez com que a franquia fosse cancelada.

Reprodução/Amazon
Reprodução/Amazon

2. Instrumentos Mortais, de Cassandra Clare (2021) - https://amzn.to/3jVvmak

O universo de Cassandra Claire encanta os leitores desde o lançamento de Instrumentos Mortais em 2007, quando Clary Fray descobre o seu destino de se tornar uma Caçadora de Sombras para proteger o mundo de criaturas e bestas que lhe ameaçam. No entanto, as duas adaptações da saga não obtiveram grande sucesso.

O filme "Os Intrumentos Mortais: Cidade dos Ossos" de 2013 com Lily Collins no papel principal teve problemas em sua produção e nunca chegou a receber uma continuação. Em 2016, a saga retornou na série "Shadowhunters" que, apesar de ter alcançado uma boa aprovação de uma parte do grupo, não conseguiu agradar todos os fãs dos livros, que anseiam até hoje por uma adaptação decente.

Reprodução/Amazon
Reprodução/Amazon

3. Quarteto Fantástico, de Jonathan Hickman (2021) - https://amzn.to/3jU6NuE

Apesar da Marvel raramente ser fiel aos quadrinhos clássicos, a grande maioria das suas superproduções não decepcionam o público, o que não é o caso do Quarteto Fantástico, o grupo de super heróis que já ganhou três adaptações homônimas - em 1994, 2005 e 2015 - mas nenhuma chegou a agradar o público. Agora os fãs da Marvel imploram para que os estúdios refaçam a história do quarteto para o MCU.

Reprodução/Amazon
Reprodução/Amazon

4. As Crônicas de Nárnia, de C S. Lewis (2023) - https://amzn.to/4572Sj2

Sendo tão icônica para a literatura internacional, As Crônicas de Nárnia acabou conquistando seu sucesso no cinema como "O Leão, a Feiticeira e o Guarda-Roupa". Porém, as adaptações dos livros seguintes da saga acabaram não atendendo as expectativas do público e levou a franquia a ser cancelada. Mas por ser um clássico, o universo de Nárnia merece readaptado para as telonas.

Reprodução/Amazon
Reprodução/Amazon

5. Death Note, de Tsugumi Ohba (2023) - https://amzn.to/3vtu5Nk

A série de mangá escrita por Tsugumi Ohba e ilustrada por Takeshi Obata é um grande sucesso mundialmente, onde o jovem estudante Light Yagami encontra um estranho caderno sobrenatural chamado "Death Note", onde você poderia escrever o nome de uma pessoa e visualizar seu rosto mentalmente para que ela morresse de ataque cardíaco nos próximos 40 segundos.

O mangá chegou a ser adaptado para a televisão como anime pela Madhouse e depois virou um dorama ou live-action homônimo produzido pela Netflix que conta com Nat Wolff no papel de Light. No entanto, o filme foi altamente criticado por "americanizar" a história principal ao mudar os personagens asiáticos por pessoas brancas. Agora os fãs do mangá esperam uma nova versão do live-action que mantém-se fiel à história principal.

Reprodução/Amazon
Reprodução/Amazon

6. Eragon, de Christopher Paolini (2023), https://amzn.to/3Zvwk10

Eragon é uma história repleta de ação, antagonistas intrigantes e paisagens fascinantes. Dentro desse mundo, dragões e elfos coexistem com cavaleiros, batalhas de espada, revelações surpreendentes e uma donzela de beleza excepcional. Inspirado pelo trabalho de J.R.R. Tolkien, que desenvolveu línguas para seus personagens, Paolini adota o norueguês medieval para a linguagem dos elfos e inventa expressões distintas para os anões e os urgals. A obra chegou a ganhar uma adaptação cinematográfica, sendo muito mal recebida pelos fãs, que ainda clamam por uma que faça juz à rica mitologia criada pelo autor.

Reprodução/Amazon
Reprodução/Amazon

7. O Guia do Mochileiro das Galáxias, de Douglas Adams (2021) - https://amzn.to/3Hv2BNz

Com uma impressionante marca de mais de 15 milhões de cópias vendidas, a jornada de Arthur Dent através da Galáxia cativou uma audiência global. O estilo cômico e as narrativas extravagantes de Douglas Adams tornaram-se um emblema de uma era e continuam a atrair leitores de todas as faixas etárias. Apesar de uma adaptação anterior ter proporcionado diversão, muitos fãs anseiam por uma nova interpretação que mergulhe mais profundamente no humor e na sátira intrínsecos aos livros.

Reprodução/Amazon
Reprodução/Amazon


Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data de publicação deste post. Além disso, assinantes Amazon Prime recebem os produtos com mais rapidez e frete grátis, e a Rolling Stone pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/3d5KDAX

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2UbsHfD