Duna: Papel de Dave Bautista ajudou ator a abandonar luta livre; entenda

Antes de se destacar por Guardiões da Galáxia e Army of the Dead: Invasão em Las Vegas, Bautista foi quatro vezes campeão mundial em luta livre

Felipe Grutter (com supervisão de Yolanda Reis) Publicado em 14/10/2021, às 11h56

None
Dave Bautista em Duna (Foto: Reprodução/Warner Bros.)

Antes de se destacar por papéis em filmes como Guardiões da Galáxia (2014) e Army of the Dead: Invasão em Las Vegas (2021), Dave Bautista era conhecido no mundo da luta livre e foi campeão mundial de peso-pesado quatro vezes. Em entrevista à Entertainment Weekly, o astro revelou como trabalho em Duna o ajudou a abandonar o wrestling.

Durante conversa com EW, Bautista explicou como a oferta do diretor Denis Villeneuve para Duna foi bastante importante - e o fez largar o universo da luta livre. "Abandonei a carreira de wrestling profissional para me arriscar porque me apaixonei pela atuação," disse. "Porém, demorei uma eternidade para conseguir um emprego."

+++LEIA MAIS: 'Desdenhoso,' diz Dave Bautista após ser confundido com Dwayne Johnson em Duna

"Então, quando alguém como Denis me liga e diz: 'Realmente quero que você interprete este papel,' isso valida o sacrifício e a oportunidade assumida para mim mesmo." Desde quando assumiu o papel de Drax em Guardiões da Galáxia, Dave Bautista mergulhou de vez na carreira de atuação.

Após a primeira aparição no filme do Universo Cinematográfico Marvel (MCU), interpretou um dos vilões de James Bond em 007 - Contra Spectre (2015), participou de Blade Runner 2049 (2017), e, no início de 2021, foi protagonista em um filme pela primeira vez com Army of the Dead, dirigido por Zack Snyder - por conta do papel, precisou recusar uma oportunidade em O Esquadrão Suicida (2021), de James Gunn.

+++LEIA MAIS: Guardiões da Galáxia Vol. 3 será 'agridoce,' diz Dave Bautista

"Estava pronto para isso, e então aceitei Army of the Dead, o qual não era apenas um papel principal, mas eu realmente queria trabalhar com Zack Snyder. Desejo há anos trabalhar com ele," confirmou Bautista disse ao Digital Spy no início de 2021. "Tive O Esquadrão Suicida, onde poderia trabalhar com meu amigo novamente, embora fosse um papel menor."

No entanto, mesmo recusando participar de O Esquadrão Suicida para focar em Army of the Dead, o ator conseguiu "construir um relacionamento legal com a Netflix, um papel principal em um grande filme - e muito mais dinheiro." O astro ligou para James Gunn para explicar o motivo de negar o filme, mas o diretor entendeu e se mostrou "orgulhoso por você estar nesta posição na qual precisa tomar essas decisões difíceis."

+++LEIA MAIS: 007: Daniel Craig quebrou o nariz de Dave Bautista em filmagens de Contra Spectre