Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone

Quentin Tarantino critica 'Marvelização' de Hollywood: 'Não há estrelas de cinema'

Aclamado cineasta Quentin Tarantino acredita que atores são mais conhecidos pelos heróis que interpretam

Redação Publicado em 22/11/2022, às 08h57

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Quentin Tarantino (Foto; AP), Marvel (Foto: Divulgação)
Quentin Tarantino (Foto; AP), Marvel (Foto: Divulgação)

Quentin Tarantino voltou a criticar os filmes de super-heróis. Enquanto promove seu livro mais recente, Cinema Speculation, o diretor deu entrevista ao podcast de Tom Segura (via NME), e que atores de Hollywood não são mais estrelas por conta dos filmes da Marvel.

"Parte da Marvelização de Hollywood é... você tem todos esses atores que ficaram famosos interpretando esses personagens. Mas eles não são estrelas de cinema. Certo?', questionou Tarantino.

+++LEIA MAIS: Kill Bill: Por que Michelle Yeoh não está em filme de Tarantino?

Ainda segundo o diretor, outras pessoas na indústria concordam, como ele não é primeira pessoa a dizer isso." "Capitão América é a Estrela, ou então, Thor é a estrela. Isso foi dito um zilhão de vezes." continuou.

São os personagens das franquias que se tornam as verdadeiras estrelas.

Quentin Tarantino faria filme da Marvel? Diretor responde

Em entrevista ao Los Angeles Times, o diretor foi perguntado sobre o motivo de não ter trabalhado em franquias de super-heróis: "Você precisa ser contratado para fazer essas coisas. Não sou contratado. Não estou procurando emprego."

+++LEIA MAIS: 7 filmes mais 'perfeitos' de Hollywood, segundo Quentin Tarantino [LISTA]

Além disso, Tarantino relembrou como os autores pioneiros de Nova Hollywood se alegraram quando os musicais de estúdio entraram em declínio nos anos 1960. Em seguida, o cineasta também explicou como os diretores de hoje "mal podem esperar pelo dia em que possam dizer isso sobre filmes de super-heróis." Porém, ele não acha que essa queda acontecerá tão cedo.