Top Gun 2 é melhor que o original, destacam primeiras críticas

Com Tom Cruise de volta ao papel de Maverick, Top Gun 2 estreia no Brasil em 27 de maio

Redação Publicado em 13/05/2022, às 11h57 - Atualizado em 14/05/2022, às 12h30

None
Tom Cruise em Top Gun: Maverick (Foto: Reprodução)

Sequência do filme de 1986, Top Gun: Maverick (2022) está prestes a chegar nos cinemas brasileiros — e as primeiras críticas apontam que o segundo longa pode ser melhor que o original.

Filme traz Tom Cruise de volta ao papel de Pete ‘Maverick’ Mitchell com manobras mais radicais e com direito a treinamento intenso – e verdadeiro – do elenco principal. Dirigido por Joseph Kosinski, a produção também conta com Miles Teller, Glen Powell e Monica Barbaro no elenco e chega aos cinemas em 27 de maio de 2022.

+++ LEIA MAIS: Lady Gaga está na trilha sonora de Top Gun; saiba mais sobre faixa inédita

Confira o que as primeiras críticas falaram sobre Top Gun: Maverick, de acordo com a seleção do Screen Rant:

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Top Gun (@topgunmovie)

 

Screen Rant

“Chegando 26 anos após o primeiro filme, Top Gun: Maverick é uma sequência rara que não é apenas melhor que o original, mas retroativamente torna a história de Top Gunmais profunda.”

+++ LEIA MAIS: Top Gun 2: Tom Cruise treinou o elenco em aviões para se preparar para filme; entenda


The Hollywood Reporter

“A parte mais memorável de Top Gun: Maverick– e as cenas que farão as novas gerações incharem de orgulho e bajulação pelo bom e velho heroísmo americano – são os combates aéreos e as manobras táticas dos pilotos. Assim como deveriam ser. A melhor coisa que este filme faz é aumentar a ação analógica visceral sobre o bombardeio entorpecente usual de falsificação de CGI, uma escolha fortalecida por ter os atores nas cabines de pilotagem aéreos durante as filmagens.”


Collider

“Ao falar sobre Top Gun: Maverick, é difícil não parecer hiperbólico, mas este é o caso raro em que merece absolutamente todos os elogios maciços. Top Gun: Maverickmelhora o original de todas as maneiras concebíveis (bem, a trilha sonora não tem Berlim, então isso é um golpe contra ela), e o faz de uma maneira que pode tornar esta uma das maiores sequências já feitas.”

+++ LEIA MAIS: Top Gun 2: Tom Cruise se arrisca em manobras de tirar o fôlego em trailer; assista


The Wrap

Top Gun: Maverick conta como uma sequência digna de sucesso e fracasso em muitas das mesmas maneiras que o original. É outro anúncio de recrutamento militar e choro masculino que parece que todo filme da Segunda Guerra Mundial foi alimentado em algoritmo, e as sequências de voo são de tirar o fôlego o suficiente para fazer você esquecer que esses caras e garotas estão envolvidos no tipo de cenários de combate que iniciam guerras.”


IndieWire

“Se Top Gun foi um filme divertido porque inventou Tom Cruise, Maverick é um ótimo filme porque o imortaliza. Não é um filme de Tom Cruise, mas sim Tom Cruise: O Filme, e quando terminar, até mesmo os críticos mais ferozes podem ter que admitir que sentirão falta dele quando ele se for.”

+++ LEIA MAIS: Top Gun 2: estreia, trailer e tudo que sabemos sobre sequência com Tom Cruise [LISTA]


IGN

Top Gun: Maverické uma explosão de fumaça de pós-combustão e altas emoções que certamente agradarão o público que procura um sucesso de bilheteria clássico do verão.”