Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone
Música / Aniversário

25 anos de "...Baby One More Time": O debut inesquecível de Britney Spears

O primeiro álbum da cantora quebrou recordes e a estabeleceu como um grande nome do cenário musical

Britney Spears (Foto: L. Busacca/ Contributor)
Britney Spears (Foto: L. Busacca/ Contributor)

Há 25 anos, um álbum icônico foi lançado, um álbum que marcou o início da carreira de uma das maiores estrelas da música pop de todos os tempos: Britney Spears. ...Baby One More Time, o álbum de estreia da jovem cantora, não apenas quebrou recordes de vendas, mas também deixou uma marca indiscutível na cultura pop.

O álbum foi lançado em 12 de janeiro de 1999 e, imediatamente, conquistou o mundo com seu som cativante e visual deslumbrante. O single que nomeia o álbum, "...Baby One More Time," se tornou um hit instantâneo e um hino para toda uma geração. O clipe que, com Britney vestida como estudante colegial, dançando nos corredores de uma escola, se tornou um ícone da cultura pop e solidificou a imagem de Britney como a nova princesa do pop.

+++LEIA MAIS: Busy Philipps fala sobre Michelle Williams narrando livro de Britney Spears

Além da faixa-título, o álbum também apresentou outros singles de sucesso, como "Sometimes," que continuou a estrutura a imagem inocente e doce de Britney, e "You Drive Me Crazy," que mostrou um lado mais energético da cantora. Os clipes dessas músicas também foram extremamente populares e ajudaram a construir a narrativa visual em torno do álbum.

O sucesso de "...Baby One More Time" foi estrondoso. O álbum vendeu mais de 30 milhões de cópias em seu primeiro ano, se tornando o álbum de maior sucesso comercial da carreira da cantora. Britney Spears rapidamente se tornou uma sensação mundial, conquistando fãs em todo o planeta com seu talento, carisma e visual inconfundível.

O sucesso do álbum e seus singles não se limitou apenas às paradas musicais. Britney também lançou tendências de moda, popularizando uniformes colegiais e roupas esportivas em todo o mundo. Seu estilo de dança ousado e coreografias despretensiosas inspiraram uma geração de artistas que veio a seguir e estabeleceram um novo padrão no cenário musical. Até mesmo aquelas que queria seguir outro caminho tinham ela como referência, quem não se lembra de P!nk citando a cantora em “Don’t Let Me Get Me”

+++LEIA MAIS: P!nk que distribuir livros proibidos nos EUA; saiba quais

O álbum passou mais de seis semanas não consecutivas no topo das paradas nos Estados Unidos, Britney se tornou a artista mais jovem a receber um certificado de diamante da Associação Americana da Indústria Fonográfica (RIAA). Além disso, a cantora foi a líder de vendas de álbuns em 1999. 

O sucesso absoluto se consolidou com a turnê “…Baby One More Time”, que no ano seguinte se tornou  “Crazy 2k Tour.” Esse foi o momento em que a artista deixa as casas de shows e teatros e passa a dominar estádios e arenas. O álbum também levou a artista a ser indicada a dua categorias do Grammy: Artista Revelação e Melhor Performance Pop Vocal Feminina.

+++LEIA MAIS: Livro de Britney Spears supera 2 milhões de cópias vendidas

É impossível falar de Britney sem lembrarmos do impacto de seu primeiro álbum. ...Baby One More Time foi o primeiro passo do que viria a ser uma das maiores estrelas pop de todos os tempos. Seus trabalhos seguintes viriam a confirmar o que a diva havia pavimentado no início da trajetória musical. Em uma publicação dedicada ao álbum em seu site oficial, a Recording Academy “inaugurou uma nova era no pop”. Nós não poderíamos concordar mais.