Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone

Britney Spears não deve voltar aos palcos: 'Traumatizada'

Em publicação deletada nas redes sociais, Britney Spears explicou motivos para não fazer shows

Redação Publicado em 12/09/2022, às 09h30

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Britney Spears (Foto: Getty Images)
Britney Spears (Foto: Getty Images)

Britney Spears foi às redes sociais revelar que não deve voltar a fazer shows. A notícia estava em publicação no Instagram, deletada logo depois. Segundo a cantora, experiências traumatizantes impossibilitam retorno aos palcos.

"Estou tão traumatizada na vida e provavelmente nunca vou performar de novo, só porque sou teimosa e vou provar o meu ponto," afirmou. Entre os exemplos de traumas gerados pela tutela gerenciada pela família, Spears citou falta de controle criativo - apenas os visuais para a faixa "Work Bitch," lançada durante o período, agradaram à cantora.

+++ LEIA MAIS: Britney Spears faz novas acusações sobre tutela: 'Me jogaram fora'

Além da música, Britney não tinha acesso às próprias fotos de turnês e ensaios, mesmo que esperasse ansiosamente por meses. "O mais ofensivo eram as chamadas fotos profissionais das turnês. Eles poderiam ter pelo menos retocado. Dois dias de fotos em Las Vegas foram os piores. Esperei por cinco meses para ver e eles nunca me mostraram," continuou.

Conforme relatado pelo NME, último show de Britney aconteceu em 2017, quando encerrou residência. Mesmo com o fim da tutela, cantora não mencionou apresentações ou turnês, mas lançou a faixa "Hold Me Closer," com Elton John.

+++ LEIA MAIS: Britney Spears desabafa em carta aberta aos filhos: 'Tentei o meu melhor'

No final de agosto, Britney fez outro desabafo, em áudio de 22 minutos, onde fez novas acusações à família.

"Me diziam que eu estava gorda todo dia, era obrigada ir à academia, não me lembro de ter sido tão desmoralizada. Me faziam sentir como se eu não fosse nada. Eu estava assustada, tinha medo, não conseguia fazer nada. Nada disso fazia sentido para mim. Fiz 4 turnês e álbuns, comecei a residência em Las Vegas, que fiz por mais quatro anos," explicou a cantora