Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone

"Momento certo de homenagear essa mulher que eu amo tanto"

Capa de janeiro da Rolling Stone Brasil, Manu Gavassi falou sobre o recém-lançado Acústico MTV em que canta Fruto Proibido, de Rita Lee

Pamela Malva Publicado em 03/02/2023, às 15h00

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Manu Gavassi para a Rolling Stone Brasil (Foto: Ivan Erick)
Manu Gavassi para a Rolling Stone Brasil (Foto: Ivan Erick)

O clima intimista do Acústico MTV: Manu Gavassi canta O Fruto Proibido não se resume apenas à decoração aconchegante, ou à proximidade entre palco e plateia. Muito além do nostálgico setlist, o especial lançado na última quinta-feira, 02, também marca o encontro de duas artistas que têm muito em comum.

Era noite do dia 1º de novembro de 2022. No palco, uma banda formada apenas por mulheres, cujos figurinos faziam referência às roupas de brechó usadas por Rita Lee e pelos Mutantes nos anos 1970. Mais adiante, com uma xícara de chá em mãos, Manu Gavassi se preparava para uma grande homenagem ao homônimo Fruto Proibido.

+++LEIA MAIS: Manu Gavassi abraça o caos: "A beleza de não ter controle"

A ideia, segundo a própria cantora de 30 anos contou na capa de janeiro da Rolling Stone Brasil, nasceu do convite para o Acústico MTV. “Quando recebi a honra de fazer o show, eu pensei muito”, afirmou Manu. “Eu e Felipe Simas tivemos a mesma intuição de ‘e se a gente transformasse isso numa homenagem?’.”

Assim, em questão de segundos, ficou definido que, naquele especial, Manu Gavassi iria celebrar a carreira de uma das maiores figuras da música nacional. “Era o momento certo de homenagear essa mulher que eu amo tanto da maneira correta, misturando o universo dela com um pouco do meu”, recordou a cantora.

Manu Gavassi para a RS
Manu Gavassi para a Rolling Stone Brasil (Foto: Ivan Erick)

+++LEIA MAIS: GRACINHA de Manu Gavassi completa um ano: "libertação de todas as amarras"

Acontece que, muito antes do show naquela terça-feira, a história entre Manu e Rita Lee data de anos atrás e marca uma admiração que não se detém na música. “Eu li a autobiografia de Rita e fiquei completamente maluca pela escrita dela”, lembrou Manu.

Desde então, eu venho cada vez mais me aprofundando na história dela, desde os Mutantes. Entendendo como ela tinha uma cabeça muito pop, quanto o pop mal existia. Como ela sempre pensou em tudo. Eu acho a Rita muito inquieta como artista e isso me inspira muito.”

+++LEIA MAIS: BenzaRita! Rita Lee recebe homenagem de 9 cantoras brasileiras

Não à toa, Rita Lee tornou-se musa de diversas letras de Manu, desde “Deve ser horrível dormir sem mim” (“Mistura de Rita com Amelie”), até “Bossa Nossa” (“Nunca gostei dos Mutantes sem a Rita Lee”). Assim, também não foi difícil decidir quem seria a homenageada do Acústico MTV — só faltava decidir qual seria o setlist do show.

Ela tinha a minha idade quando lançou Fruto Proibido, e foi a emancipação dela, o início de uma carreira de muito sucesso independente dos Mutantes e como mulher. É tudo isso que o Fruto Proibido representa para mim. Por isso a gente decidiu homenagear e regravar esse álbum”, explicou Gavassi.
Capa Manu Gavassi
Manu Gavassi para a Rolling Stone Brasil (Foto: Ivan Erick)

+++LEIA MAIS: MTV EMA 2022: Manu Gavassi ganha prêmio de Melhor Artista Brasileiro pelo segundo ano consecutivo

Também composto por faixas da discografia da própria Manu, o Acústico MTV se propôs a celebrar — e apresentar para novas gerações — o grande Fruto Proibido, de 1975. Bastante intimista, principalmente pela presença de amigos e familiares de Gavassi, o show ainda contou com a presença de Liniker e Tim Bernardes no palco.

Ainda durante a entrevista, Manu lembrou-se do dia em que Rita Lee elogiou o Acústico MTV nas redes sociais. “É surreal pensar que posso fazer essa homenagem e que ela pode se sentir homenageada, respeitada. Já trocamos mensagens e por isso mesmo senti a confiança de fazer o show. Ela sabe do carinho que tenho pela história dela.”

Já disponível no catálogo do Paramount+, o novo Acústico MTV é um dos projetos que Manu Gavassi estrela em 2023. “Foi impressionante como eu me diverti. Fiquei muito honrada de poder fazer isso, da Rita ter se sentido lisonjeada. É um projeto que eu nem acredito que fiz e pelo qual tenho muito carinho”, afirmou Manu, por fim.

Texto: Pamela Malva
Fotos:
 @ivanerick
Styling: @carolroquuete_stylist
Produção de moda: @layse.araujo
Make: @dindihojah
Assessoria de imprensa: @accessmidia

+++LEIA MAIS: "Rita Lee significa uma coisa muito livre, é a maior artista do universo"