600 pés de maconha são encontrados em margem de rio no interior de São Paulo

Polícia Ambiental encontrou a cannabis em Ibitinga

Redação Publicado em 23/02/2021, às 15h47

None
Pés de maconha nas margens do rio em Ibitinga, interior de São Paulo (Foto: Reprodução/Polícia Ambiental)

Na tarde desta segunda, 22, em um patrulhamento náutico da Polícia Ambiental, seiscentos pés de maconha foram encontrados nas margens do rio Jacaré-Guaçu, localizado na zona rural de Ibitinga, interior de São Paulo.

De acordo com as informações da Polícia Ambiental, via UOL, a plantação de cannabis foi descoberta após uma denúncia anônima indicar o local em que a maconha era cultivada - cerca de 30 metros adentro da margem do rio. 

+++LEIA MAIS: Quantos cigarros de maconha Snoop Dogg fuma por dia?


+++ SIGA NOSSO SPOTIFY - conheça as melhores seleções musicais e novidades mais quentes


A área é um local de difícil acesso, por isso, os policiais usaram barcos para chegar até lá. Os pés de maconha eram cultivados em sacos plásticos próprios para o plantio de mudas e algumas foram testadas em cultivo de forma hidropônica, devido ao excesso de água - inclusive, por ser difícil chegar até a plantação, havia um caminho de paletes.

No total, foram encontrados 320 quilos de maconha. Dentre a plantação, uma série de cannabis estavam prontas para a colheita - entre 1,40 e 1,80 metros de altura. A droga foi apreendida. 

+++LEIA MAIS: Snoop Dogg revela salário e benefícios do "enrolador profissional de baseados" que o acompanha; assista

Embora tenham feito buscas na área, os policiais não encontraram suspeitos ao redor da plantação, mas abriram um boletim de ocorrência. A Polícia Civil vai investigar o caso. 


+++ KANT: 'AQUELES QUE NOS DÃO MAIS ATENÇÃO SÃO OS QUE MAIS CRITICAM' | ENTREVISTA | ROLLING STONE BRASIL