Bossa Nova exposta na Bienal

Mostra em cartaz a partir desta terça faz panorama dos cinqüenta anos do movimento com músicas, moda, entrevistas raras e fotos

Da redação Publicado em 15/07/2008, às 17h34 - Atualizado às 19h56

A Bossa'50 fica em cartaz no Pavilhão da Bienal, no Ibirapuera, até 24 de agosto
Fernanda Soares/Still

O Pavilhão da Bienal do Parque do Ibirapuera inaugura nesta terça-feira, 15, a exposição Bossa'50, sobre os cinqüenta anos da Bossa Nova. A mostra, que fica em cartaz até o final de agosto, apresenta entrevistas raras com personalidades do gênero musical, uma coleção de capas de discos, um acervo com fotos da época e também uma exposição de vestidos criados pelo estilista Ronaldo Fraga, baseados em canções como "Doralice", "Desafinado" e "Minha Namorada".

A Rolling Stone fez um tour pela Bossa'50 com o curador da exposição, o músico e professor Walter Garcia. Veja o video aqui.

Quem for conferir a exposição, que tem a entrada gratuita, ainda poderá ouvir canções da Bossa Nova em listening stations individuais, que apresentam também músicas de protesto e da MPB, duas vertentes vindas da Bossa Nova.

Os móveis que decoram a exposição foram criados especialmente para o evento. Ao todo, o designer Fernando Jaeger fez 77 peças, que estão espalhadas pelo Pavilhão da Bienal.

A exposição Bossa'50 fica em cartaz no Pavilhão da Bienal até 24 de agosto.

Bossa '50

Pavilhão da Bienal de São Paulo - Parque do Ibirapuera

Das 10h às 20h, aberto de terça a domingo

Entrada Franca