Pulse

Caverna do Dragão: 11 teorias sobre o fim da animação que nunca foi feito [LISTA]

O desenho teve seu último episódio escrito, mas nunca produzido. Então, o que aconteceu com as crianças?

Redação Publicado em 08/05/2019, às 20h08

None
Caverna do Dragão (Foto: Reprodução)

Muito antes de todo o furor causado pelos Vingadores que conhecemos hoje, com Homem de Ferro e Capitão América, a Marvel tinha uma série animada de sucesso com um tipo de Vingador completamente diferente. Caverna do Dragão foi um dos primeiros sucessos da empresa nerd, e estreou o primeiro de seus 27 episódios há 36 anos.

O desenho é baseado no jogo de RPG Dungeons & Dragons, e conta a história de seis amigos que, em um passeio de montanha-russa do jogo, vão parar em um Reino com diversas fantasias. Lá, são guiados pelo Mestre dos Magos e lutam contra o malvado Vingador.

+++ LEIA MAIS: Caverna do Dragão vai virar filme? Veja fotos vazadas de um set

A série, porém, terminou de modo abrupto. “Requiem”, seu último episódio, nunca foi produzido. Com isso, um grande mistério ainda ronda a Caverna do Dragão: o que aconteceu com as seis crianças?

Pode ser que esse enigma chegue ao fim em breve, já que há rumores de que a saga vai ser transformada em filme. Mas, até lá, temos que buscar explicações em teorias de fãs sobre como tudo terminou.

Veja aqui algumas teorias que envolvem o episódio perdido e a saga em si:

Suicídio

Uma das versões mais sombrias do fim inesperado é que diversos jogadores de D&D estavam se matando devido à violência do jogo. Então, a mãe de um deles associou isso ao programa de TV e processou a CBS, a produtora. Depois dos casos de morte se acumularem, a CBS achou melhor cancelar tudo.

O Inferno

Uma das teorias mais aceitas por conta de uma popularidade de uma creepypasta. Conta que Tiamat, o dragão, avisa para os meninos que eles nunca voltarão para casa, pois o carrinho de montanha-russa na verdade despencou, causando a morte de todos. E como eles não eram boas pessoas, foram parar no inferno.

Demônio

Com os garotos no Inferno, tudo o que sobrava para o Diabo era se divertir. Então, enganando os meninos, o Diabo se transformava e, na verdade, o Vingador e o Mestre dos Magos eram a mesma pessoa: o próprio demônio!

Anjo

Se tanto o Vingador quanto o Mestre são o Diabo, o Dragão é o salvador. Ele representaria um anjo divino que desceu ao inferno com a missão de revelar a verdade às crianças, mas era sempre atrapalhado.

Demoninho

A unicórnio Uni, na verdade, não era uma amiga das crianças. Ela era a arqui-inimiga do anjo, e fazia de tudo para que eles não só ficassem alheios à verdade como também fossem enganados. Então, fingia que saberia fazer eles voltarem para o mundo real apenas para atrapalhá-los e manipular seus sentimentos.

Brincadeira de criança

A trama toda da montanha-russa teria nascido, na verdade, de uma aventura de um grupo específico. Enquanto jogavam, roteirizaram suas jornadas para transformá-las em uma série. Mas o final foi tão sombrio que não quiseram comprar o roteiro. Difícil acreditar, já que a história envolve demônios, inferno e anjos, e na verdade, a Caverna do Dragão chegou a excluir personagens como clérigos e druidas para não envolver nada de religião.

Personagens não-jogáveis

Ainda segundo essa linha de raciocínio, há variantes que dizem que na verdade os personagens são só uma brincadeira, e o Mestre dos Magos na verdade é o mestre da mesa de RPG, o Vingador e Uni são o que os jogadores conhecem por NPC (sigla para o termo em inglês "non-player character", ou "personagem não-jogável"), já a turma de adolescentes são os jogadores do game. No final, só guardavam as fichas e iam pra casa.

Possível final oficial?

Há alguns anos, vazou na internet um história que seria o suposto roteiro criado por Michael Reaves para o último episódio, aquele que nunca aconteceu. Na versão dele, a história seria assim:

Teste

Em uma reunião super séria, Mestre dos Magos e Vingador entram em um acordo: fazer um teste para as crianças. Se elas vencessem sem ajuda do Mago, poderiam receber “a chave”. Se não, morreriam.

Vira-casaca

O Mestre aceita o desafio e as crianças são obrigadas a lutar com uma hidra. Desesperadas, pedem ajuda ao mestre, que as ignora. O Vingador então estende a mão e dizem que, se as crianças acharem “a chave” e a jogarem em um abismo, vão para casa.

Abrindo o portal

Algumas acreditam no papo e outras não. As crianças se dividem em dois grupos para achar a chave. Eles encontram o local juntos. Eric quer jogá-la no abismo; Hank quer usá-la para abrir uma câmara do cômodo. É o que fazem.

Ao abrir, a câmara espalha raios de luz por todo o Reino. Com isso, as criaturas aprisionadas no local podem ir para casa.

Nessa teoria, o Mestre dos Magos e o Vingador não são a mesma pessoa. Na verdade, o vilão é o filho malvado do Mestre. O raio o transformou na pessoa que ele era antes de ser corrompido.

Should I Stay?

A série terminaria com o portal aberto em frente às crianças, brilhando com mil raios de sol. O Mago explica que se elas o atravessarem, vão para casa. Se não, poderiam viver mais aventuras. E fim!

O final sem conclusão seria proposital, já que foi encomendado que a série desse abertura para uma nova temporada com dois enredos possíveis: no Reino ou no mundo real.

+++ 16 histórias que todos os fãs de Beatles deveriam saber