Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone
Notícias / herança

Documento encontrado no sofá de Aretha Franklin define destino de sua fortuna

Herança da cantora era disputada pelos filhos desde 2018

Redação Publicado em 29/11/2023, às 14h00

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Aretha Franklin (Foto: Getty Images)
Aretha Franklin (Foto: Getty Images)

Um testamento manuscrito datado de 2014 e encontrado entre as almofadas do sofá na casa de Aretha Franklin contribuiu para que os filhos da cantora ganhassem a causa da herança. 

Um júri da cidade de Detroit considerou válido o documento, apesar de ter rasuras e passagens inelegíveis. Aretha, no entanto, assinou o documento e colocou nele uma carinha sorridente ao lado da letra "A". Esse testamento invalida um outro, de 2010, que havia sido encontrado na casa da cantora em 2019.

Kecalf Franklin, um dos filhos de Aretha, ficará com a casa de Detroit, avaliada em 2018 em US$ 1,1 milhão. Kecalf defendia na Justiça que o testamento de 2014 é o válido. Hoje, avaliadores afirmam que o imóvel vale mais do que isso; em julho, um dos advogados envolvidos na disputa pela herança de Aretha chemou a casa de 'joia da coroa"(via O Globo).

O filho caçula de Aretha, Ted White II recebeu uma outra propriedade da artista em Detroit, mas ela foi vendida pelos herdeiros da cantora por US$ 300 mil antes da disputa entre testamentos começar. Ted White II defendia que o testamento de 2010 deveria ser o válido. Ele agora vai pedir o valor da casa.

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!