E3: PlayStation 4 e Xbox One mostram novidades para conquistar adeptos para a nova geração

Depois de uma largada que falhou em impressionar, Sony e Microsoft mostram a potência dos novos consoles

Gus Lanzetta, de Los Angeles Publicado em 10/06/2014, às 12h32 - Atualizado às 13h08

Personagem  TJ Combo, de Killer Instinct

Ver Galeria
(2 imagens)

Nesta segunda feira, 9, aconteceu o tradicional dia de coletivas de imprensa que antecede a E3 – evento que reúne as maiores empresas de videogame do mundo e seus jogos para o futuro próximo, em Los Angeles.

Um dos jogos mais esperados do ano, Watch Dogs se mostra promissor, mas apresenta falhas.

A Microsoft deu início trabalhos com o trailer de mais um novo Call of Duty, como costuma ser praxe. Apesar da previsível ausência de Halo 5: Guardians, game adiado para 2015, Forza Horizon 2, jogo de corrida que foi mostrado ao público dias antes, ganhou um novo vídeo.

Para sair de uma apresentação protocolar, a companhia apresentou as surpresas que mostraram a força do Xbox One, o novo console da quarta geração da Microsoft que ainda vende bem menos do que o PlayStation 4 – a empresa, inclusive, não comentou os números de venda neste ano. As novidades anunciadas foram: mais conteúdo pra Dead Rising 3, novos Crackdown e Phantom Dust, Scalebound, Dance Central Spotlight e Halo: The Master Chief Collection.

A batalha por trás de Titanfall, o jogo mais aguardado de 2014.

Além dos títulos próprios, a Microsoft revelou planos para jogos independentes que receberão mais atenção nos próximos dias da feira de games que também chegarão para o PS4, como The Rise of Tomb Raider, Assassins Creed: Unity, The Witcher 3 e Tom Clancy's The Division.

Já do lado da Sony, mesmo sentada confortavelmente no trono de vendas mundiais com seu Playstation 4, a empresa não desperdiçou um minuto sequer e fez a coletiva com mais anúncios por minuto que se tem memória. Até mesmo o tradicional “atraso da noiva” foi rejeitado para que o tempo não fosse desperdiçado.

Batman ganhará novo jogo da série Arkham em 2014; assista ao trailer.

Títulos multiplataforma como Far Cry 4, Mortal Kombat X, Destiny, Batman: Arkham Knight, Dead Island 2 e Metal Gear Solid V ganharam espaço, mas grande parte do tempo da empresa foi dedicado a jogos exclusivos Little Big Planet 3, Bloodborne, Let It Die, No Man’s Sky, The Order: 1886 e Uncharted 4. A Sony também fez questão de anunciar jogos independentes e uma série exclusiva para a PlayStation Network baseada na HQ autoral Powers.

Embora as duas fabricantes tenham ótimas apresentações para dar início à E3 deste ano, a Sony continua mostrando comprometimento com parceiras de qualidade e uma variedade incrível de jogos, responsáveis por reconquistar o apoio do público e indústria. A Microsoft, ao menos, mostrou caminhar pela trilha acertada e está atenta ao que público quer. Nada como a concorrência, não?