Ex-namorado de Bobbi Kristina é processado por homicídio culposo

Espólio da filha de Whitney Houston exige US$ 10 milhões por danos causados por Nick Gordon contra a garota

Rolling Stone EUA Publicado em 10/08/2015, às 11h35 - Atualizado às 13h19

Nick Gordon e Bobbi Kristina em evento na cidade de Los Angeles, em 2012
Jordan Strauss/AP

O espólio de Bobbi Kristina Brown, filha da cantora Whitney Houston e do músico Bobby Brown, morta em 26 de julho passado, aos 22 anos, moveu um milionário processo contra o ex-namorado dela, Nick Gordon, por homicídio culposo.

As dez performances mais impactantes de Whitney Houston

A administradora do espólio, Bedelia Hargrove, alega que Gordon “deu a Bobbi Kristina um coquetel de substâncias tóxicas que a deixou inconsciente e depois a colocou com o rosto para baixo em uma banheira de água gelada”.

Hargrove também acusa Gordon de transferir grandes quantias de dinheiro da conta dela para a própria conta bancária nos meses anteriores ao incidente. “Era tudo parte de um esquema para controlar Bobbi Kristina e se beneficiar do estado dela”. O espólio pede pelo menos US$ 10 milhões – mais de R$ 35 milhões – pelos danos causados, segundo o jornal USA Today.

A carreira da diva Whitney Houston em fotos

No dia 31 de janeiro de 2015, a jovem, então com apenas 21 anos, teria sido encontrada desacordada e de bruços pelo namorado, Nick Gordon, e pelo amigo Max Lomas na banheira da residência do casal em Atlanta, nos Estados Unidos.

Ainda no local, Gordon tentou uma “respiração boca a boca e um policial assumiu o socorro para mantê-la viva até a ambulância chegar”, segundo reportou a revista People. Bobbi, então, foi levada ao North Fulton Hospital. Chegou a respirar com o auxílio de aparelhos e teve a atividade cerebral diminuída significativamente. Boatos a respeito da morte cerebral da jovem foram levantados, mas ela apresentou evolução.

Assista à última performance ao vivo da cantora

Segundo a revista US Weekly, uma investigação policial atestou inicialmente não ter havido indícios de uso de drogas ou de ato criminoso no caso. Dias antes do ocorrido, Bobbi teria sido vítima de um acidente de trânsito junto com outras duas pessoas.

No processo movido pelo espólio, Gordon é acusado de frequentes abusos físicos contra Brown. Os advogados do rapaz, Joe Habachy e Jose Baez, se manifestaram a respeito da notícia em comunicado enviado à rede de TV CNN. “Nick está com destruído e com o coração partido pela perda do seu amor e é uma vergonha que alegações tão sem fundamento tenham sido apresentadas publicamente”, diz o documento em defesa do acusado.