Festival eletrônico do Rock in Rio não terá vínculo com a marca

Será um evento produzido pelos mesmos organizadores, mas completamente diferente do Rock in Rio, segundo a organização

Redação Publicado em 06/08/2012, às 17h16 - Atualizado às 17h19

Rock in Rio
Divulgação

Em uma nota oficial, a organização do Rock in Rio esclareceu que o festival de música eletrônica citado por Roberto Medina recentemente em uma entrevista não terá nenhum vínculo com a marca do festival. Serão eventos produzidos pelos mesmos organizadores, mas completamente diferentes do Rock in Rio, informou a organização.

Lollapalooza Brasil: a cobertura completa do festival.

Medina, criador e organizador do festival, deu a seguinte declaração à agência de notícias EFE: “Estou superanimado com isso. Seria como um filho do Rock in Rio, que sem dúvida também viria a Madri. A ideia é começar no Rio de Janeiro em 2015 e depois exportar para Madri, Lisboa e Argentina”. Leia mais aqui.

A próxima edição brasileira do Rock in Rio acontecerá entre 13 e 21 de setembro. Ivan Lins, George Benson, Sepultura e Tambours du Bronx já estão confirmados. Na semana seguinte, será realizada a primeira edição do Rock in Rio Buenos Aires.