Frank Sinatra será tema de exposição no MIS em 2016

Mostra, que acontecerá no Museu da Imagem e do Som de São Paulo, celebra o centenário do artista norte-americano

Redação Publicado em 26/06/2015, às 12h55 - Atualizado às 13h16

Frank Sinatra
Reprodução/Facebook

Shadows in the Night, álbum de covers gravado por Bob Dylan, não é a única homenagem que a obra de Frank Sinatra receberá pelo seu centenário. Muito pelo contrário. Uma lista de atrações celebrando os feitos do lendário artista acontecerá entre 2015 e o próximo ano.

Bob Dylan faz cover de Frank Sinatra em faixa de novo disco; ouça “Stay With Me”.

O MIS, Museu da Imagem e do Som de São Paulo, anunciou nesta quinta-feira, 25, que fará uma exposição dedicada ao músico Frank Sinatra. A mostra deve ser aberta ao público em 2016. A curadoria será assinada pelo Grammy Museum at L.A. Live, em colaboração com a família do cantor e a New York Public Library for the Performing Arts. A exposição fará parte das comemorações oficiais do centenário do icônico músico.

Originalmente intitulada Grammy Museum's Sinatra: An American Icon exhibit, a mostra, que está em cartaz desde o dia 4 de março, no Lincoln Center, em Nova York, tratá ao Brasil objetos pessoais, cedidos pela família do artista norte americano.

Segundo informações do MIS, haverá ainda correspondências raras, obras de arte e gravações. Entre cerca de 200 itens, estará o primeiro Oscar de Sinatra - recebido em 1945, o famoso chapéu de feltro, passaporte, caderneta de endereços, uma jukebox com mais de 80 músicas e trechos de seus principais filmes.

Outras homenagens

O mito da música norte-americana, morto em 1998 após um ataque cardíaco, comemoraria cem anos no dia 12 de dezembro de 2015. Por isso, a família Sinatra e a Frank Sinatra Enterprises produzirão um evento multimídia intitulado Sinatra 100, que dará destaque aos discos e aos filmes dele.

Carteira de motorista de Sinatra, cartão de crédito de Kurt Cobain: veja bizarrices vendidas em leilões.

A obra de Sinatra ainda será alvo de novos lançamentos por parte das gravadoras Capitol, Sony e Universal, enquanto a Warner Bros. exibirá sessões especiais dos filmes mais memoráveis da estrela nas mostras de cinema da USC, Universidade do Sul da Califórnia, e de Tribeca.

A família de Sinatra pretende lançar um aplicativo comemorativo e uma linha de uísque em parceria com a Jack Daniels. Por fim, a HBO e o diretor Alex Gibney produziram um documentário de quatro horas, Sinatra: All or Nothing At All, que foi ao ar em duas partes, nos dias 5 e 6 de abril.