Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone
Notícias / GMC Produções Artísticas

Gal Costa: Qual a dívida da empresa da cantora, segundo site

GMC Produções Artísticas tinha Gal Costa e Wilma Petrillo como sócias; empresa possui dívidas com a União e a Prefeitura de São Paulo

Redação Publicado em 04/03/2024, às 16h10

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Gal Costa (Foto: Ana Paula Amorim)
Gal Costa (Foto: Ana Paula Amorim)

Cantora responsável por hits como "Força estranha," "Chuva de prata," "Baby" e "Um Dia De Domingo," Gal Costa também tinha carreira como empresária. Uma das empresas dela era GMC Produções Artísticas, que tem uma dívida de aproximadamente R$ 738 mil em impostos, segundo informações do Splash.

Vale lembrar como a empresa também tem Wilma Petrillo, ex-empresária de Costa, como uma das sócias. Além disso, o levantamento pelo site consta com dados da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional, da Prefeitura de São Paulo e do Tribunal de Justiça do estado.

+++LEIA MAIS: Gabriel Costa sai de casa e defesa afirma que Wilma Petrillo não é herdeira de Gal

Segundo a matéria, GMC Produções Artísticas possui dívidas com a União e a Prefeitura de São Paulo, com ações como débitos de ISS (Imposto Sobre Serviço), Taxa de Fiscalização de Estabelecimentos e previdenciários.

O valor total da dívida é somada entre R$ 188.401,79 (débitos com tributos previdenciários), segundo Fazenda Nacional, e R$ 549.861,79 (dívidas com a Prefeitura de SP). "A Procuradoria-Geral do Município de São Paulo informa que todos os créditos inscritos em dívida ativa são objetos de cobrança, de forma judicial ou extrajudicial," afirmou a Prefeitura à reportagem.

+++LEIA MAIS: Gal Costa: entenda a disputa de filho e viúva sobre a herança da cantora

Criada em 21 de dezembro de 2012, inscrita para atuar nas áreas de artes cênicas e espetáculos, GMC Produções Artísticas tem capital social de R$ 30 mil. Gal Costa era dona de 90% do empreendimento, enquanto Wilma Petrillo tinha 10%.