Grammy 2015: Beck surpreende, leva prêmio de Álbum do Ano e toca “Heart Is a Drum” com Chris Martin

Cantor já havia ganhado gramofone de Melhor Álbum de Rock na premiação, que acontece neste domingo, 8

Redação Publicado em 09/02/2015, às 02h22 - Atualizado às 13h08

Beck e Chris Martin fazem dueto no Grammy 2015
AP

De maneira surpreendente, Beck levou um dos prêmios mais cobiçados do Grammy com o disco Morning Phase. Após bater Ryan Adams, Black Keys, Tom Petty e U2 e faturar o gramofone de Melhor Álbum de Rock, o músico deixou para traz Beyoncé (com Beyoncé), Ed Sheeran (X), Sam Smith (In The Lonely Hour) e Pharrell Williams (Girl) no prêmio de Álbum do Ano.

Grammy 2015: veja a lista completa dos ganhadores.

“Deveria haver mais pessoas aqui”, disse Beck, rodeado pelos companheiros de banda. “Gravamos esse disco na minha casa. Agradeço às minhas crianças por me permitirem deixá-los acordados até tarde durante as gravações”. Ele concluiu o segundo discurso dizendo: “Obrigado aos produtores e aos fãs que votaram.”

No momento em que recebeu o prêmio, Beck ainda foi “ameaçado” por Kanye West. O rapper fingiu que faria novamente o que fez com Taylor Swift na premiação VMA de 2009, quando tentou “roubar” o prêmio de Melhor Vídeo Feminino da cantora. Tudo não passou de uma brincadeira.

Grammy 2015: Paul McCartney, Rihanna e Kanye West levam parceria inusitada ao palco da premiação.

Algum tempo depois de receber o segundo gramofone da noite, Beck foi acompanhado pelo vocalista do Coldplay, Chris Martin, em uma performance serena de “Heart Is a Drum”, uma das faixas do Álbum do Ano no Grammy 2015, Morning Phase. A breve apresentação foi introduzida por Dave Grohl, vocalista e líder do Foo Fighters.

O site da Rolling Stone Brasil está acompanhando a 57ª edição do Grammy ao vivo, em Los Angeles, e faz a cobertura completa no site, Twitter, Facebook e Instagram.