Guns N’ Roses vende produtos oficiais em site e aquece rumores sobre possível reunião da banda

Desta vez, a pista é um brinquedo lançado pelo grupo

Redação Publicado em 27/11/2015, às 15h34 - Atualizado às 16h24

Galeria - volta do Guns N' Roses - abre

Ver Galeria
(12 imagens)

Os rumores sobre um possível retorno da formação original do Guns N’ Roses em 2016 ganharam ainda mais força após a banda começar a vender em seu site produtos oficiais do grupo.

Veja alguns motivos para acreditar que a volta de Slash ao Guns N’ Roses ainda é possível.

Os fãs que visitarem a página do Guns N’ Roses podem adquirir objetos como cobertores e camisetas com a capa do álbum Apetite For Destruction (1987). As imagens veiculadas nos produtos são dos integrantes da formação original da banda, fato que reforça a a teoria de que os membros devem voltar a se apresentarem juntos.

Além disso, foi divulgado um vídeo de uma nova máquina caça-níqueis da banda. A empresa NetEnt, responsável pela máquina, afirmou que o produto começará a ser vendido nos EUA em 21 de janeiro de 2016. No clipe, foram usadas imagens de Axl Rose, Slash e do baixista Duff McKagan, gerando mais um indício de que o próximo ano deve mesmo marcar a reunião desses integrantes do Guns N’ Roses.

Entenda melhor: Slash diz ter feito as pazes com Axl Rose.

O site Alternative Nation afirma que Slash e Axl Rose, que tiveram desentendimento em relação ao direito de uso dessas imagens, chegaram a um acordo em relação a venda de produtos oficiais do grupo.

"Pode ser divertido", diz Slash sobre possível reunião do Guns N' Roses.

Recentemente, Slash causou um grande rebuliço quando deixou de negar a afirmação de um repórter sueco de que ele teria se reconciliado com Axl Rose, vocalista do Guns N’ Roses. “É provável que tenha demorado demais”, disse ele. “Mas é muito legal tirar um pouco dessa coisa negativa que estava rolando por tanto tempo.”

Ele não chegou a dizer, na verdade, “Eu e Axl estamos conversando novamente”. É possível que ele estivesse meramente dizendo que os sentimentos negativos dele próprio tenham se dissipado nos últimos anos. Mas o comentário foi mais do que suficiente para gerar manchetes em todo o planeta.

Uma razão pela animação das conversas nas comunidades de fãs do Guns N’ Roses é que a entrevista com Slash foi divulgada não muito depois que DJ Ashba e Ron “Bumblefoot” Thal saíram da banda. Devido ao fato de o baixista original Duff McKagan ter tocado com Tommy Stinson em uma turnê pela América do Sul em 2014, é difícil não pensar que talvez algo possa estar por vir.

Uma excursão mundial de reunião geraria quantidades inimagináveis de dinheiro, possivelmente não o suficiente para Axl superar as desavenças dele com Slash. Até aqui, nenhum integrante da banda disse uma palavra negando a história.